FUTEBOL

Coadjuvantes roubam a cena em fim de semana de atacantes no Brasileirão

Autor

Observe atentamente o que aconteceu nos jogos do fim de semana do Brasileirão e a conclusão será essa: os atacantes se destacaram em todas as partidas.
Com gols para todos os gostos, alguns coadjuvantes roubaram a cena.

Teve gol de bicicleta, carrinho, com deslocamento, de cabeça, pênalti. Para quem estava carente de boas apresentações de nossos goleadores, os dias frios do segundo fim de semana de junho foram bem aquecidos pelos homens de frente.

O melhor: nos nove jogos disputados entre sábado e domingo na elite nacional, ao menos duas vezes as redes balançaram graças aos atacantes. Algumas por nomes que não estamos acostumados.
Não acredita? Se eu te perguntar quem fez os gols da vitória santista apenas dando dica que foram de um único atacante, certamente você dirá, na lata, Ricardo Oliveira. Errado. Segunda chance. Vai apostar em Bruno Henrique, Copete ou mesmo Rodrigão. Nunca dirá que foram de Kayke, a não ser que tenha assistido o jogo.

Coadjuvantes roubam a cena em fim de semana de atacantes no Brasileirão

O centroavante disputou seu segundo jogo como titular e foi decisivo no triunfo por 2 a 0 na Arena da Baixada. Um dia de protagonista do até então coadjuvante santista.

Confira como foram os outros atacantes na rodada:

Palmeiras 3 x 1 Fluminense

O Palmeiras investiu pesado em Borja, Willian e Keno (fez um gol) para o ataque, mas foi Roger Guedes quem brilhou no Allianz Parque, com assistência e gol final em bela arrancada. Artilheiro do campeonato, Henrique Dourado fez o de honra dos cariocas.

Coadjuvantes roubam a cena em fim de semana de atacantes no Brasileirão

Cruzeiro 2 x 0 Atlético-GO

Há pouco tempo, Ábila perdeu espaço no Cruzeiro de Mano Menezes que optou por Arrascaeta, Thiago Neves e Rafael Sóbis compondo o trio ofensivo do time. Por causa das lesões, o argentino acabou ganhando novas chances e foi dele os dois gols do triunfo no Mineirão.

Corinthians 3 x 2 São Paulo

Todos apostavam que Jô, o rei dos clássicos, decidiria novamente. Contudo, foi o esforçado e carismático Romero quem brilhou em Itaquera. Abriu o caminho da vitória e jogou muito. Do lado são-paulino, dois gols de atacantes que ainda buscam uma vaga de titular: Gilberto e Wellington Nem.

Coadjuvantes roubam a cena em fim de semana de atacantes no Brasileirão

Avaí 1 x 1 Flamengo

Empate com gols dos centroavantes. Rômulo abriu o placar e Leandro Damião, reserva de luxo que só joga quando Guerrero está ausente, fez a pintura da rodada: magnífica bicicleta.

Vasco 2 x 1 Sport

Outro jogo com centroavantes dando as caras. Luis Fabiano começa a engrenar no Vasco, enquanto André anotou pela quinta vez pelo Sport no Brasileirão.

Vitória 2 x 0 Atlético-MG

O primeiro triunfo do Vitória na competição surgiu dos pés de seus homens de frente. Kieza e Neilton garantiram a festa baiana no Barradão.

Botafogo 2 x 2 Coritiba

Está certo que o zagueiro Carli é quem salvou o Fogão da derrota ao empatar, mas antes fez dois pênaltis bem cobrados pelos atacantes Kleber e Henrique Almeida. E viu o companheiro Roger fazer o seu.

Ponte Preta 3 x 2 Chapecoense

Lucca está impossível na Ponte Preta. Com a negociação de William Potker, ele assumiu a responsabilidade dos gols e vem dando conta do recado. Ele jogou bem e deixou sua marca na vitória sobre a Chapecoense. Rossi anotou um para os visitantes

Coadjuvantes roubam a cena em fim de semana de atacantes no Brasileirão