FUTEBOL

Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense

Autor

Não será desta vez que o Brasileirão vai "pegar fogo". Graças a uma bela demonstração de força do líder Corinthians. "Abraçado" por sua torcida, o Timão teve um primeiro tempo impecável, venceu o clássico por 3 a 2 em Itaquera e esfriou de vez o ânimo palmeirense, agora oito pontos atrás da briga pelo título.

Desde a véspera do Derby, no sábado, a demonstração de amor e união da torcida com o time já refletia um fim de semana perfeito. Foram 32 mil torcedores no treino e mais de 46 mil no jogo empurrando o time à vitória contra um até então empolgado Palmeiras.

Numa semana que podia ser encerrada com um novo líder, a vantagem conquistada em casa praticamente tira o arquirrival da briga. Oito pontos restando seis rodadas é uma "gordura" imensa. A briga ficaria entre Corinthians e Santos, seis pontos atrás.

A vitória maiúscula diante do Palmeiras foi muito comemorada não apenas pelo resultado. O resgate do bom futebol apresentado no primeiro turno falou mais alto. O Timão dominou o Palmeiras nos primeiros 45 minutos, jogou com garra, e depois apenas administrou a vantagem na etapa final, passando poucos sustos.

Romero, Balbuena e Jô anotaram os gols corintianos. Garantiram a festa na Arena de Itaquera e resgataram o grito de "é campeão". Faltam apenas quatro vitórias.

Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense
Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense
Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense
Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense
Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense
Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense
Torcida abraça, Corinthians mostra força de campeão e esfria o ânimo palmeirense

Fotos; Daniel Vorley e Ale Cabral/Agif