CIÊNCIA

Ciência indica: casais novos devem se ver só duas vezes por semana

Autor

A sensação é difícil de administrar. Você acabou de conhecer alguém super especial, a paixão bateu forte e tudo que você quer é estar com essa pessoa o tempo inteiro. E se o sentimento for recíproco, vocês vão querer se encontrar todos os dias e ficar juntos o tempo inteiro. É compreensível. Maaaas talvez isso não seja o ideal para o relacionamento, viu?

Ciência indica: casais novos devem se ver só duas vezes por semana

Essa, pelo menos, é a opinião de especialistas. Segundo o psiquiatra Scott Carroll, citado pelo jornal britânico The Independent, a chave de um bom começo de relação é ver a pessoa duas vezes por semana. “É importante manter em duas vezes por semana para você ter bastante tempo longe de seu novo parceiro, o que vai dar tempo para seus sentimentos mais profundos emergirem do subconsciente. Esses sentimentos profundos são importante porque vão te ajudar a notar problemas com o novo parceiro.”

Basicamente, o que ele diz é que o lado racional tem que funcionar junto com o emocional. Uma opinião parecida é do psicólogo Seth Meyers. “Como psicólogo que trabalha com clientes com problemas em relacionamentos, posso compartilhar que um fator que destrói muitos relacionamentos no começo é a tendência a apressar as coisas.”

Segundo Meyers, “enquanto alguns casais podem passar todas as noites juntos e ainda assim fazerem o relacionamento dar certo, essa não é uma fórmula que termina em sucesso a longo prazo para a maioria.” O psicólogo afirma que ver um novo parceiro o tempo todo aumenta o desejo de intimidade física e sexual, o que faz as pessoas sentirem alguns tipos de emoção cedo demais.

“O problema dessa dinâmica é que ver o outro com muita frequência no começo cria uma ilusão de intimidade e dependência, mesmo que todos nós saibamos que leva meses ou até anos para conhecer verdadeiramente alguém.”