CURIOSIDADES

Conheça o 'systema', a arte marcial russa que vem ganhando a América Latina

Autor

O nome oficial é System ROSS, que em russo significa Sistema Nativo Russo de Autodefesa. Na prática, entre os adeptos, essa arte marcial virou “systema”. Criada na União Soviética, ela foi levada para a Argentina no ano 2000 e vem, aos poucos, ganhando a América Latina.

Conheça o 'systema', a arte marcial russa que vem ganhando a América Latina

Mas o que o systema tem de tão diferente assim? Segundo Dmitry Mamedov, um dos instrutores, a arte russa é uma combinação de técnica, conhecimento e compreensão que pode ser útil na autodefesa, no dia a dia mesmo. O objetivo não é vencer uma competição, mas se conhecer e se superar. 

O systema nasceu na década de 1980, quando o governo soviético deu uma missão a Alexey Kadochnikov, um pesquisador da cidade de Krasnodar. Ele teria que estudar e restaurar as tradições marciais do povo que protege suas fronteiras, suas famílias e sua terra há séculos. E então o systema nasceu e seu conhecimento se espalhou por agentes secretos, pilotos e militares. Na época, falava-se da arte marcial como uma arma invisível.

Conheça o 'systema', a arte marcial russa que vem ganhando a América Latina

No ano 2000, um soldado das forças especiais da Argentina, foi até a Rússia para treinar e conhecer o método de Kadochnikov. Fabián García, então, voltou para seu país e continuou praticando e, eventualmente, difundindo, o systema.

Só na Argentina, já existem seis escolas de systema em cidades diferentes, cada uma com um número que varia de 30 a 50 alunos. Segundo Mamedov, é um método que se ajusta facilmente às necessidades de cada um, então o mestre acredita que a tendência é uma popularização cada vez maior da arte marcial russa.