OUTROS

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Kristina Haddad
Author
Kristina Haddad

Você já deve estar de saco cheio da crise, mandando tudo pelos ares e raspando o tacho das economias para torrar em Manhattan nestas férias, não?! Eu faria o mesmo. Se eu tivesse férias. E se tivesse um fundo de tacho para raspar. Mas tem gente que nasceu tão bem viradinha para a Lua que essa tal de crise afetou a marca do caviar, que deixou de russo para ser de Santa Catarina, no Sul. Para essas pessoas, todo o luxo nunca é demais.

E se a cidade for Nova York, luxo e bom gosto são dois irmãos siameses: não pode haver um sem o outro. Tanto é assim que o antigo e ultrapassado Waldorf Astoria vai deixar de existir. Os carpetes cor vinho, as salas e corredores escuros... tudo já estava bem over.

De ícones de cinco estrelas para boutiques elegantes a spas, veja aqui os 10 melhores hotéis da Gib Apple, só em bairros bons! Alto east Side, Lower Manhattan, Tribeca, Broadway e do West Village .

#1 Four Seasons Hotel New York

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Este cinco estrelas está no lado elegante de Midtown, longe da agitação da Times Square e perto do Central Park. Apesar do lobby imperioso, com os tetos altíssimos, pisos de mármore e pilares gigantes, o hotel ainda consegue ser íntimo e discreto. Os quartos têm vistas deslumbrantes, olhando o mais incrível parque verde (depois do Ibirapuera e da Floresta da Tijuca, no Rio), em toda a extensão do Hudson. Há dois sublimes restaurantes: Ty Lounge, com pratos de inspiração asiática, e o restaurante Garden, que serve cozinha americana sob altas árvores de acácia. $$$ R$ 1500/diária.

#2 Crosby Street Hotel

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

A fachada de vidro e luz azul elétrica na entrada do hotel Soho promete um hotel boutique chamativo, mas por dentro é tudo elegância discreta , com tons sutis de cinza e malva, e inúmeras peças de arte que dominam a atmosfera gentil. Uma mocinha extremamente simpática vai cumprimentar você pelo nome na segunda vez que o vir, acredite. As comodidades incluem um ginásio e um cinema com 99 lugares (sim, exatamente 99, não me pergunte o porquê). Os quartos em tons discretos têm janelas do chão ao teto, mas se isso não for suficiente (e você tiver cacife), dá para obter a Suíte Meadow com terraço e jardim privado. $$$ R$ 2 mil/diária.

#3 The Refinery

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Grande parte do encanto desse arranha-céu gótico original foi preservado, com pé direito incrível e quartos com chão legítimo de madeira, embora a decoração não seja exagerada. A música ao vivo no Bar da Winnie Jazz no átrio recebe os hóspedes na maioria das noites, enquanto o Rooftop Refinery tem palco para DJs e muita gente bonita. O espaço é sensacional: tem lareira e excelentes vistas da cidade. Vá para um quarto com vista para o Empire State Building, se o orçamento permitir. $$ R$ 750/diária.

#4 The Carlyle Hotel

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Este hotel de luxo oferece a melhor localização no Upper East Side, perfeitamente situado na Madison com a Rua 76. É também conhecido como o canto da riqueza e sofisticação. Ele está instalado em um edifício no estilo Beaux Arts, dos anos 30, em uma fusão maravilhosa de elegância do velho mundo e estilo contemporâneo. Os quartos estão equipados com todas as comodidades modernas e alguns têm vista para o Central Park. Você pode jantar uma alta cozinha francesa e pratos clássicos de frutos do mar, carro-chefe do elegante restaurante do hotel. Bemelmans Bar, ao lado do lobby, continua a ser um dos melhores bares de coquetéis do mundo. E tem, é claro, o Café Carlyle! Para super seletos shows de jazz ao vivo. Woody Allen, por exemplo, está lá todas as segundas, tocando no clarinete. $$$ R$ 1.155 / diária.

#5 The Greenwich Hotel

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Este hotel em Tribeca, de propriedade de nada mais e nada menos que Robert de Niro, é um pouco de enigmático. O estilo é meio marroquino, com elementos da Europa e do Oriente mesclados. De alguma forma tudo funciona perfeitamente. Existem inúmeras áreas comuns só de convidados, incluindo uma sala de estar alcatifados e um pátio com jardim isolado que remetem a Marrakech. Nenhum dos quartos são parecidos, mas você pode encontrar tapetes de seda tibetanos ou banheiros de azulejos marroquinos feitos a mão. A culinária é do chef Andrew Carmellini, legitimamente italiano. De inspiração japonesa, no subterrâneo funciona o Shibui Spa, que é um oásis no meio dessa espécie de Epcot para ricos.

$$$ R$ 1,8 mil/diária.

#6 Andaz Wall Street

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Uma chique e moderna opção em Lower Manhattan. Espere muitas vantagens aqui, incluindo chamadas locais gratuitas, lanches de cortesia e bebidas não alcoólicas em seu quarto. Tudo isso à vontade! Os quartos são muito mais espaçoso do que a maioria dos hotéis de Nova York, em parte devido aos 6 metros de altura do pé direito e das janelas altas que proporcionam muita luz e excelentes vistas. O bar-restaurante Dina Rata é um dos favoritos do bairro. Outro destaque é o Andaz Spa, que atende nos horários dos hóspedes que precisar. A galera pode desfrutar de massagens, tratamentos faciais e aromaterapia (usando produtos botânicos aromáticos ) no spa ou no próprio quarto. $$$ R$ 2 mil / diária.

#7 The NoMad Hotel

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

O designer francês Jacques Garcia fez uma reforma bohemian-chic para o edifício em estilo Beaux Arts da virada do século 19/20 bem no meio da Broadway. Tapetes persas desbotados e uma lareira de 200 anos de idade deram o tom interior. Há mesas de mogno em estilo retrô e banheirinhas vitorianas, dessas que têm pés dourados. O chef Humm e o restaurateur Will Guidara esnobam juntos três estrelinhas Michelin no Eleven Madison Park. E há ainda uma biblioteca imensa e suntuosa, além de do Elephant Bar, ornamentado com um imponente balcão de mogno. $$$ R$ 1 mil/diária.

#8 The Jane

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Uma opção intrigante na frondosa West Village. É um lugar repleto de história. Para começar, os sobreviventes do Titanic ficaram no hotel enquanto aguardavam o inquérito sobre o naufrágio em 1912. Os designers mantiveram o olhar histórico sobre o ambiente, mas acrescentaram uma decoração bohemian-chic, como cabeças de animais nas paredes, globo espelhado no meio de salões e palmeiras em vasos. Os quartos compridos como uma pista de boliche e têm banheiros compartilhados (quarto padrão). Café Gitane no piso térreo serve aquela comidinha de vovó: café e bolos, deliciosos. O Ballroom Jane tem lareira, gente! Enfim... é como entrar nas páginas de um romance de Graham Greene. $ R$ 315 / diária.

#9 Trump International Hotel & Tower

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

Apesar do nome e do dono, o lugar é lindo e ultra moderno. Os elevadores são de alta velocidade e hi-tech, com sutis toques europeus: lustres, pisos de mármore e impecável atenção aos detalhes. Os quartos têm vista para o Central Park e alguns têm pequenas cozinhas para jantar no quarto. O restaurante do Masterchef Jean George Vongerichten esbanja três estrelas Michelin e serve pratos franceses impecáveis, com menu sazonal.  E tem o spa, com piscina aquecida e coberta. $$$ R$ 1.155 / diária.

#10 The Conrad New York

Os 10 melhores e luxuosos hotéis em Manhattan

A primeira coisa que a pessoa nota sobre esse hotel de Tribeca é a impressionante coleção de arte: pinturas Loopy Doopy e a roda de Sol, de LeWitt, no átrio são exemplos. Acrescente a isso um excelente restaurante e bar de vinhos mediterrâneos (Ah! Grécia), o Átrio, que se tornou um ponto preferido dos hóspedes (especialmente para o café da manhã) e quartos tecnológicos. Os hóspedes podem usar o aplicativo Conrad New York para fazer o check-in, por exemplo! O hotel também tem um vistão invejável para a cidade. Há apenas uma rua que separa o hotel de um pequeno parque e do rio Hudson, onde as barcas podem levá-lo para Ellis Island ou para baixo para a Estátua da Liberdade. $$ R$ 741/diária.

----------

Por Pilar Magnavita

#pelomundo #hoteis #hoteisnewyork #viagem #destino