ESPORTES

10 tenistas que ninguém acha geniais, mas estão entre os melhores mesmo assim

Sheila Vieira
Author
Sheila Vieira

Parece que o jogo virou, não é mesmo? Depois de listar os 10 tenistas geniais da atualidade na ATP que morrem na praia, é hora de falar sobre os jogadores que ninguém considera mega talentosos, mas que excederam e continuando superando expectativas. Agora tem WTA na festa também. Preparados?

10 tenistas que ninguém acha geniais, mas estão entre os melhores mesmo assim

Maria Sharapova

BOOOOOOM. Sim, já comecei com tiro. Quantas vezes você já escutou que a atualmente suspensa russa só sabe bater forte na bola? “Falta Plano B”. Mas a verdade é que, gostando ou não do tênis dela, Sharapova conquistou cinco troféus de Grand Slam (e faz parte do seleto grupo que já venceu todos), foi número 1 do mundo, medalhista de prata olímpica e tem 35 troféus. Se você quiser acreditar que o meldonium é responsável por tudo isso, fique à vontade.

David Ferrer

Bem, esse era meio óbvio. Quando o espanhol é elogiado, é sempre pela sua atitude em quadra e consistência, que compensam a falta de um golpe acima da média. Eu já acho que o forehand de Ferrer é um dos melhores do circuito. O fato é que ele é uma das maiores forças da ATP há quase nove temporadas, tem uma final de Roland Garros, 26 títulos e ainda dá canseira em muito moleque por aí.

Angelique Kerber

Angie nunca foi tão badalada quanto Sabine Lisicki e estourou quando já tinha seus 20 e poucos. Mesmo quando chegou ao top 10 e às fases mais agudas dos torneios importantes, poucos acreditavam que ela poderia ser uma campeã de Slam. Pois agora ela é.

Kei Nishikori

O japonês recebeu um pouco mais de atenção porque teve resultados bons cedo e se tornou rapidamente o melhor tenista da história de seu país. Mas, até hoje, Nishikori não é visto como um jogador que pode produzir uma jogada sensacional a qualquer momento. Ele é alguém muito bom no ‘conjunto da obra’, que já inclui 11 títulos e uma final de Slam.

Sara Errani

Agora estamos falando de alguém que realmente ninguém acreditava que seria uma finalista de Slam, top 5 e uma das melhores duplistas de sua geração. A italiana é baixinha e saca muito mal, mas aguenta bolas pesadas no fundo da quadra e é habilidosa. Errani tem nove títulos de simples da WTA e 25 de duplas, incluindo cinco Slams.

Milos Raonic

Pobres sacadores. Sempre taxados de inúteis em todo o resto do jogo. Raonic foi o mais bem-sucedido da leva de sacadores depois do fim do carpete e pisos ultra rápidos. Ele já tem oito títulos, duas semifinais de Slam e uma participação no Finals, números que seu contemporâneo ‘genial’ Grigor Dimitrov ainda está buscando.

Jelena Jankovic

Vamos então voltar ao terreno de quem já foi número 1 do mundo? A sérvia já foi desdenhada por ocupar a liderança do ranking sem ter conquistado um Slam. Assim que ela teve uma queda de rendimento, deram sua carreira como praticamente encerrada. No entanto, oito anos após ocupar o topo do ranking, JJ segue espalhando seu glitter no top 30.

John Isner

Pobres sacadores (2). Está para acontecer um jogo de John Isner em que não haja um tuiteiro reclamando que ele não pratica “tênis de verdade”. As regras discordam e o norte-americano conseguiu se estabelecer entre tenistas bem mais talentosos do que ele e abocanhar vitórias contra gênios (de verdade), como Roger Federer e Novak Djokovic e chegar a 10 títulos de ATP.

Caroline Wozniacki

Se JJ foi metralhada pela “crítica”, a dinamarquesa foi 10 vezes mais. Com um estilo mais defensivo, Wozniacki deu trabalho a muita gente durante muito tempo. Ocupou a liderança do ranking por 67 semanas e venceu incríveis 23 títulos, além de chegar a duas finais de US Open. Quem não gosta vai ter que engolir este currículo e ela cantando “Oxygen”.

Gilles Simon

Tinha que colocar um francês nesta lista, para compensar os três que apareceram na dos que morrem na praia. Gilles corre muito, devolve tudo, tem inteligência para levar as partidas e luta como poucos, sem precisar de caras e bocas. O tenista de 31 anos tem 12 títulos, já foi número 6 do mundo e atualmente está no top 20. E faz muito jogador lamentar quando vê seu nome na chave.

Concordam? Discordam? Façam o login e comentem aqui!

#tennis