POLÍTICA

Marcelo Freixo é acusado de machismo pela ex e dá resposta confusa no Facebook

Sheila Vieira
Author
Sheila Vieira
Marcelo Freixo é acusado de machismo pela ex e dá resposta confusa no Facebook

Uma das verdades mais polêmicas do feminismo é a de que todo homem é machista. Inclusive os que defendem ideais progressistas e o feminismo nos espaços públicos. Ao contrário de alguém que abomina abertamente mulheres, este tipo de homem geralmente acredita que sabe tudo sobre igualdade e que é justo com todas as pessoas. Até o momento em que uma mulher aponta um comportamento machista dele. Eis o #esquerdomacho.

Um dos principais nomes da esquerda brasileira na atualidade, Marcelo Freixo foi acusado de machismo pela sua ex-esposa Priscilla. Ela escreveu um post no Instagram (rapidamente deletado após repercussão) dizendo que se sentiu "acuada por um período longo desde o término do meu relacionamento de 2 anos e meio com o deputado Marcelo Freixo, passei a ser caluniada, supostamente, por ele e seus companheiros de partido, o clã dos esquerdo-machos."

Após muita gente machista morrer de alegria com o post dela (vai entender), Freixo publicou em sua página um vídeo comentando o episódio. Porém, ele deixou mais perguntas do que respostas.

Freixo começa dizendo o mesmo que eu no início deste post: "Foi com as mulheres com quem eu sempre convivi e trabalhei que aprendi que todo homem é machista. De uma forma ou de outra, mais silenciosa, sutil ou até violenta fisicamente, todos desenvolvem relações machistas numa sociedade patriarcal como a nossa."

É só um comentário ou ele está confirmando o que Priscilla postou? Ele segue:

"Se alguma pessoa de fora fez algum comentário acerca das razões do término, agiu de má fé. Certamente não falou a verdade e isso atingiu a Priscilla e atingiu a mim. Então é importante que neste momento, o seu relato, a sua dor, sejam respeitados, têm que ser ouvidos sim. É legitimo que isso aconteça. Eu lamento que isso aconteceu. Evidentemente não fui eu que fiz qualquer comentário. Eu continuo tratando com respeito e cuidado que sempre tive."

Ele diz que outra pessoa fez comentários, mas o relato veio do Instagram da Priscilla. Depois ele confirma que é um relato dela e que lamenta que isso aconteceu. Isso o quê? O machismo? O ataque dos colegas esquerdo-machos? O post? Freixo finaliza afirmando que não fez comentários. Então ele nega que tenha sido machista no fim das contas? 

Nada contra Freixo admitir que errou, que aprendeu e seguir em frente. Mas não parece que ele fez isso. Pelo menos, não neste vídeo.