Cineclube
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Cineclube
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Cineclube
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Bill Murray foi ver o musical de 'Feitiço do Tempo'… dois dias seguidos

Tapa Da Pantera
há 2 meses3.0k visualizações

Lembra daquele filme “Feitiço do Tempo”, com Bill Murray? É aquele em que o ator encarna um personagem preso no tempo. Todo dia é Dia da Marmota ("Groundhog Day", nome original do filme), e suas ações não têm consequência porque quando ele acorda é como se nada tivesse acontecido, e tudo volta para o início do mesmo dia que já passou.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Bill Murray foi ver o musical de 'Feitiço do Tempo'… dois dias seguidos

O filme é de 1993, e foi baseado nele que em 2016 surgiu um musical em Londres. Agora, em 2017, a peça está na Broadway, em Nova York.

 E sabe quem apareceu para ver? Ele mesmo, Bill Murray! Isso aconteceu na terça-feira, 8 de agosto.

E sabe quem apareceu para ver? Ele mesmo, Bill Murray! Isso aconteceu na quarta-feira, 9 de agosto. 

Não, você não leu dois parágrafos copiados acidentalmente por um redator desastrado. Bill Murray, como em “Feitiço do Tempo”, apareceu para ver o musical duas noites seguidas em Nova York.

A história foi relatada pelo jornal New York Times. A repórter Sopan Deb seguiu o ator e fez quase um diário da primeira visita de Bill Murray ao musical. No dia seguinte, foi ela que deu a notícia no Twitter, em tom incrédulo:

“ISSO NÃO É UMA PIADA: Bill Murray foi ver o musical Groundhog Day de novo hoje à noite.”

Nem precisa dizer que o ator fez sucesso nos bastidores, né?

'Emoji: O Filme' e a estratégia perfeita para fazer dinheiro com um filme ruim

Tapa Da Pantera
há 3 meses9.7k visualizações

Ele ainda não estreou no Brasil, mas a fama já é das piores. “Emoji: O Filme” tem avaliação de 6% no Rotten Tomatoes e nota média 1,5 na avaliação dos usuários do site IMDb. Qual a explicação, então, para o sucesso de bilheteria e a arrecadação de US$ 24,5 milhões no primeiro fim de semana de exibição nos Estados Unidos. A resposta passa por uma estratégia perfeita.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
'Emoji: O Filme' e a estratégia perfeita para fazer dinheiro com um filme ruim

A Sony, produtora e distribuidora de “Emoji”, acredita que acertou na estratégia de divulgação. Ciente da (falta de) qualidade, a empresa exibiu seu filme para críticos com a seguinte ressalva: as avaliações só poderiam ser publicadas na quinta-feira, véspera da estreia nos cinemas. Resultado: pouca gente leu e muita gente foi aos cinemas.

O presidente de distribuição da Sony Pictures, Josh Greenstein, acredita que é a primeira vez que um filme com nota tão ruim no Rotten Tomatoes abocanhou mais de US$ 20 milhões em bilheterias. É realmente um feito impressionante, considerando a reputação do site de avaliações e o fato de que quase todo mundo nos EUA consulta as notas dos filmes no Rotten Tomatoes antes de comprar ingressos.

Logo, se a nota é baixa no “tomatômetro”, o filme é destinado ao fracasso. Foi o que acontecer recentemente com “A Múmia”, de Tom Cruise. Com 16% no Rotten Tomatoes, o filme arrecadou apenas US$ 31 milhões nos EUA no fim de semana de abertura (um valor baixo para uma produção com orçamento de US$ 125 milhões.

E se, por algum motivo, você ficou intrigado e quer ver “Emoji: O Filme” mesmo assim, ele estreia no Brasil no dia 31 de agosto. 

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
TapaDaPantera
Equipe Storia Brasil