Cineclube
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Cineclube
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Cineclube
ic-spinner
У каждого есть своя история
Находите лучшие истории и интересных людей. Вдохновляйтесь ими и начинайте писать самостоятельно либо вместе с друзьями.

Petição quer que Disney que reconheça Leia como uma de suas princesas

A morte de Carrie Fisher, que encarnou no cinema a Princesa Leia, um dos personagens mais famosos da franquia Star Wars, abalou muitos fãs. Houve todo tipo de homenagem à atriz e, também, à personagem. E houve também um fã pedindo que a Disney, atual detentora da série Star Wars, reconheça oficialmente Leia como uma de suas princesas.

Рассказывайте о том, что вы любите, вместе с друзьями
Стать соавтором ▸
Petição quer que Disney que reconheça Leia como uma de suas princesas

A ideia surgiu no site Change.org graças a Cody Christensen, morador do estado americano de Utah. Em algumas horas, ele já havia alcançado mais de 30 mil assinaturas. Hoje, já são mais de 150 mil pessoas na petição. 

Petição quer que Disney que reconheça Leia como uma de suas princesas

Atualmente, as princesas reconhecidas pela Disney são Branca de Neve, Cinderela, Bela Adormecida, Ariel, Bela, Jasmine, Pocahontas, Mulan, Tiana, Rapunzel e Merida. Todas elas são protagonistas de histórias cujos direitos são comprados por empresas que fabricam produtos com suas imagens. 

Petição quer que Disney que reconheça Leia como uma de suas princesas

No abaixo-assinado, os fãs também pedem que a Disney, que comprou a série Star Wars em 2012, organize uma cerimônia para reconhecer Leia como sua mais nova princesa. E você, tambem quer que a Princesa Leia seja “imortalizada” pela Disney? É só clicar e participar do abaixo-assinado!

Ninguém viu: os 7 maiores fracassos de bilheteria em 2016

A vida dos produtores de cinema está cada vez mais difícil. Com as Netflix e Amazons da vida financiando projetos enormes e de altíssima qualidade para os serviços de vídeo-on-demand, o público fica cada vez mais exigente na hora de decidir sair de sair de casa, pegar fila e pegar uma minifortuna para ir ao cinema.

Рассказывайте о том, что вы любите, вместе с друзьями
Стать соавтором ▸
Ninguém viu: os 7 maiores fracassos de bilheteria em 2016

Tirando os filmes de super-heróis, nada é garantia de sucesso em Hollywood hoje em dia. Nem mesmo as sequências de franquias de sucesso. E esta lista aqui de fiascos de bilheteria é uma grande prova disso.

1. Caça-Fantasmas

Falando em franquia de sucesso, a ressurreição de Caça-Fantasmas, desta vez com um elenco só feminino, foi um dos fiascos mais falados da temporada. Não que tenha dado prejuízo. No mundo inteiro, as bilheterias somaram US$ 229 milhões. Parece muito dinheiro, mas certamente não é o que se espera quando o orçamento é de US$ 144 milhões. Só para efeito de comparação, um filme como Guerra Civil, com Capitão América e aquele elenco todo da Marvel, custou US$ 250 milhões, mas arrecadou no mundo inteiro mais de US$ 1,1 bilhão - ou seja, mais de quatro vezes o investimento inicial.

2. Alice Através do Espelho

Taí um caso parecido. Um file com um diretor renomado (Tim Burton) e que é sequência de uma história bem conhecida (Alice no País das Maravilhas). Gastaram US$ 170 milhões, mas só arrecadaram US$ 299 milhões. Talvez esperar seis anos para lançar o segundo filme não tenha sido uma boa ideia. Talvez o público esteja se cansando de Tim Burton. Difícil dizer. Só não da pra dizer que a Disney não gastou os tubos com publicidade.

3. Deuses do Egito

Quase deu prejuízo. Gastaram US$ 140 milhões e arrecadaram US$ 150 milhões. E o motivo não é um grande mistério. O filme é ruim. Ponto. As atuações são fracas (a grande estrela é Gerard Butler, que estava bem melhor naquele comercial do Focus Fastback), a direção deixa a desejar, até os efeitos visuais são tristes. Não tinha como acontecer outra coisa…

4. Papai Noel às Avessas 2

A galera mal lembra que existiu um Papai Noel às Avessas original lá atrás, em 2003. Mas aquele filme arrecadou US$ 60 milhões, então alguém achou que seria interessante fazer uma sequência 13 anos depois. Chamaram Billy Bob Thornton, que até manda bem, mas não consegue carregar o filme. Resultado? Orçamento de US$ 17 milhões, receitas de US$ 22 milhões.

5. Vizinhos Nada Secretos

Keeping Up With The Joneses, que tem no título original uma paródia do reality show das Kardashians, mostrou (ou melhor, comprovou) que o público cansou do humor de Zach Galifianakis. Para um filme com Isla Fisher, Jon Hamm, Gal Gadot e Patton Oswalt, ficom bem aquém das expectativas. O orçamento foi de US$ 25 milhões, e as bilheterias renderam US$ 28,8 milhões.

6. Zoolander 2

Mais um filme que ficou no limite do prejuízo. Mais uma sequência gravada mais de dez anos depois do original. Zoolander foi um sucesso cult, mas alguém achou que Zoolander 2 iria mais longe. Bem, alguém se enganou. Ben Stiller, Owen Wilson e Will Ferrell repetem os erros e acertos do primeiro filme, mas as bilheterias decepcionaram muita gente. O filme, que gastou US$ 50 milhões, arrecadou US$ 56 milhões.

7. Ben-Hur

Se você chegou até aqui, já entendeu que as sequências lançadas uma década depois fracassaram. O que falar, então, de Ben-Hur, refilmagem de um clássico de 1959 com Charlton Heston? Transformaram um épico com tema religioso e uma atuação gloriosa de Heston em um filmezinho de ação de segunda categoria, com um limitado Jack Huston no lugar de Heston. Não podia dar certo. Certo mesmo é que alguém está pagando (literalmente) por esse crime. Ben-Hur teve orçamento de US$ 100 milhões e só arrecadou US$ 94 mi nas bilheterias.

Вы прочитали историю
Story cover
написанную
Writer avatar
TapaDaPantera
Equipe Storia Brasil