Na vitrola
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Na vitrola
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Na vitrola
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Macklemore e Kesha lançam 'Good Old Days', e a letra é simplesmente gloriosa

Tapa Da Pantera
há um mês471 visualizações

Macklemore acaba de divulgar sua mais nova música, uma parceria com Kesha que leva o nome de “Good Old Days”. A canção faz parte do álbum Gemini, que chega às lojas físicas e virtuais no dia 22 de setembro, e traz uma letra tão deliciosa que vai aquecer corações por todo o planeta.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Macklemore e Kesha lançam 'Good Old Days', e a letra é simplesmente gloriosa

“Good Old Days” (GOD) fala de reconhecer e dar valor ao momento que uma pessoa vive porque no futuro você pode parar e pensar que aqueles eram os “bons e velhos dias”. Na canção, Mackemore descreve com carinho alguns dos momentos importantes de sua vida e de como ele gostaria que certas partes tivessem sido diferentes.

A melodia suave é pegajosa, e a voz de Kesha é um complemento perfeito. No refrão, ela diz: “Eu queria que alguém tivesse me dito que / Algum dia esses serão os bons e velhos dias / Todo amor que você não vai esquecer / E todas aquelas noites vadias de que você não vai se arrepender / Algum dia, em breve, sua vida inteira vai mudar / Você vai sentir falta da magia desses bons e velhos dias”. Ouça abaixo.

Macklemore não fala apenas do que poderia ter sido. Em alguns trechos de GOD, ele apenas lembra com carinho do começo de sua carreira, como em “Eu estava pensando na banda / Eu estava pensando nos fãs / Nós éramos underground / Enchíamos a van pra 12 pessoas com mercadorias / Em uma pequena casa noturna em Minnesota / E a neve lá fora, na Primeira Avenida / Eu só queria meu nome numa estrela / Agora veja onde estamos / Ainda crescendo, ainda crescendo / Eu estaria deitado na cama e sonhando com o que me tornaria / Não podia esperar pra envelhecer / Não podia esperar para ser alguém”.

É ou não é uma música com a qual todo mundo consegue se identificar? É pra deitar, colocar baixinho no fone, prestar atenção na letra e pensar na vida. Quando você perceber, vai estar com um sorriso no rosto, pensando em tudo bom na sua vida naquele exato momento.

Veja esse cover super fiel de David Bowie que The Killers fizeram na BBC

Tapa Da Pantera
há um mês251 visualizações

A banda The Killers vive aquele momento pré-lançamento de álbum que exige todo tipo de trabalho de divulgação. Entrevistas, aparições em talk-shows e visitas a estúdios de TV e rádio. A última dessas ações foi no Live Lounge da BBC Radio 1 e que incluiu um lindo e fiel cover de “Fame”, de David Bowie.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Veja esse cover super fiel de David Bowie que The Killers fizeram na BBC

A apresentação de um cover é uma tradição do Live Lounge. Quem vai lá sempre faz algo especial e exclusivo para o programa. Os Killers aproveitaram para mostrar sua versão do clássico de “Young Americans”. O álbum, lançado em 7 de março de 1975, tinha “Fame” como última faixa do lado dois. A canção foi escrita junto com Carlos Alomar e John Lennon. Veja abaixo como ficou a versão de Brandon Flowers e companhia.

Antes de “Fame”, os Killers abriram a apresentação com o single “The Man”, do álbum “Wonderful Wonderful”, que tem lançamento previsto para o dia 22 de setembro.

Por fim, depois de "Fame", um clássico da banda. O maior clássico dos Killers, na verdade. “Mr. Brightside”, que foi eleita pela revista Vice a “Stairway To Heaven” da geração dos millenials. E haveria alguma maneira melhor de fechar um pequeno set? Veja como foi: 

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
TapaDaPantera
Equipe Storia Brasil