MÚSICA

5 discos para quem vai ficar em casa no carnaval

Autor
5 discos para quem vai ficar em casa no carnaval

(imagem: Black Panther - The Album/reprodução)

Ninguém é obrigado a gostar de carnaval. Enquanto muitos estão curtindo nos blocos e na folia nas ruas, outros preferem colocar as séries em dia, ler ou ouvir qualquer coisa que não seja axé, samba-enredo, marchinhas e hits carnavalescos nessa época do ano. Para esses, temos aqui uma playlist que pode ser uma boa pedida e te deixar inteirado no que tá rolando lá fora até a quarta-feira de cinzas.

Black Panther - The Album

A trilha sonora do filme Pantera Negra tem produção e curadoria de Kendrick Lamar, considerado por muitos o maior rapper da atualidade. O disco tem participações de SZA, the Weeknd, Swae Lee, do Rae Sremmurd, Schoolboy Q, Vince Staples, Future, Anderson .Paak, Khalid, e outros. Vale a pena escutar enquanto o filme não sai (a data de estreia é 15 de fevereiro).

Migos - Culture II

Uma espécie de continuação de Culture, disco já clássico do ano passado do Migos, Culture II fica aquém das expectativas, mas mesmo assim traz ótimos momentos, como, por exemplo, "Stir Fry" e "MotorSport", que já estão tocando faz um tempo, e "BBO", com produção de Kanye West.

CupcaKKe - Ephorize

Mais um disco de rap que promete ser uma das sensações do ano. Elizabeth Harris, conhecida como CupcaKKe, é uma rapper de Chicago, que acaba de lançar este que é um disco que provavelmente estará em todas as listas de melhores de 2018.

MGMT - Little Dark Age

Little Dark Age não é exatamente o disco mais empolgante do MGMT, que teve o seu ápice no fim dos anos 2000 com os hits "Time to Pretend" e "Kids". Para os que curtem o estilo indie psicodélico da banda esse disco é mais ou menos uma volta ao gênero que os consagrou, cheio de sintetizadores, fugindo um pouco dos excessos dos dois discos anteriores.

Camila Cabello - Camila

O disco foi lançado em janeiro, mas nunca é tarde para ouvi-lo. A estrela mais brilhante do Fifth Harmony conseguiu fazer uma grande estreia solo, encontrando identidade própria no hit mundial "Havana". O disco tem bons momentos e é empolgante ver como Camila Cabello é uma das artistas mais promissoras da atualidade.