Comunicação
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Comunicação
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Comunicação
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

10 anos de Twitter: veja quem tem mais seguidores e outras curiosidades

O que fazer com apenas 140 caracteres? Se alguém duvidada que era possível se comunicar com tão pouco na internet (onde qualquer textão é válido), o Twitter veio para inovar a forma de comunicação das redes sociais. E chega nesta segunda-feira, 21/3, comemorando uma década desta fórmula do sucesso.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Nesses 10 anos, vocês sabem que é a celebridade com mais seguidores no Twiiter? A cantora Katty Perry tem inacreditáveis 84,8 milhões de seguidores em sua conta, criada em 2009.

10 anos de Twitter: veja quem tem mais seguidores e outras curiosidades

Logo na sequência, um outro cantor tem números impressionantes: Justin Bieber tem 77,5 milhões de seguidores. O jovem, aliás, é a pessoa com mais menção na plataforma. Sua arroba já foi citada 943 milhões de vezes, segundo o próprio Twitter que divulgou nesta terça-feira alguns dados desta sua última década.

10 anos de Twitter: veja quem tem mais seguidores e outras curiosidades

Já vimos que são os cantores que lideram esse ranking mundial (a cantora Taylor Swift vem ainda em terceiro lugar), mas e quanto as brasileiros, quem tem mais seguidores? Neste caso, o futebol fala mais alto. Kaká é o brasileiro com mais seguidores no mundo (24,4 milhões), seguido por Neymar (21,5 milhões). Mas logo o craque do Barcelona deve ultrapassar o amigo, visto que ainda tem uma longa carreira pela frente e vem jogando um futebol de alto nível em um grande centro europeu (e com muita mídia ao seu redor, obviamente).

10 anos de Twitter: veja quem tem mais seguidores e outras curiosidades

Em 2014, no Oscar apresentado por Ellen deGeneres, uma cena rodou o mundo. No meio da apresentação, ela juntou um monte de atores e bateu uma selfie. E jogou a foto no Twitter. Pronto! Nenhuma publicação teve tanto retweet na história: 3,3 milhões.

10 anos de Twitter: veja quem tem mais seguidores e outras curiosidades

Hoje em dia, quem tem uma conta no Twitter sempre dá uma passadinha por lá. Pode até escrever pouco, mas fica de olho no que amigos, celebridades e empresas estão comentando. Muitos programas se aproveitam da plataforma para aproximar seu público, como o ‘Masterchef’. O programa de culinária da Band alcançou a marca de 1,8 milhão de comentários em sua final do ano passado, mas a novidade foi que o anúncio do vencedor do programa foi anunciado primeiro no Twitter. Segundos depois, a apresentadora Ana Paula Padrão leu o nome do campeão ao vivo.

1 milhão é muita, mas muita gente, mas nem se compara ao que aconteceu na final da última Copa do Mundo. Segundo a plataforma, foi o evento com mais tweets por minuto: 618.725. Enquanto Alemanha e Argentina jogavam no Maracanã, a torcida não desgrudava do Twitter e comentava o jogo simultaneamente.

É muita gente, são muitos números. São 140 caracteres que mudaram o jeito de se comunicar na internet. Havia, aliás, a especulação que as letras e palavras seriam infinitas no Twitter, mas a plataforma tratou de anunciar essa semana que o limite de caracteres permanecerá. Para mim, essa é a sua graça: ser breve nos comentários.      

#internet

Cuidado leitores, nem sempre a informação oficial é verdadeira

Em tempo de internet e mídias sociais, estamos nos acostumando a viver na era da informação instantânea. Todos dão sua opinião, falam o que quiser, e muitas declarações se tornam verdades em questão de minutos sem ser. Temos de ter cuidado para filtrar o que é ou não real. Mas complicado é quando precisamos fazer isso mesmo quando uma informação vem de algum órgão oficial.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Sou jornalista, e como tal aprendi a indagar um fato algumas vezes mais do que talvez fosse necessário. E essa semana o também jornalista Jamil Chade, correspondente do jornal ‘O Estado de S. Paulo’ na Europa, publicou no seu Facebook um dado alarmante. Na Suíça, o Comitê Olímpico Internacional (COI) conversou com a imprensa sobre a situação dos Jogos do Rio. E o que foi falado é que tudo caminha bem para a Olimpíada, com os dirigentes não estando preocupados com a situação política do nosso país.

Pois bem, se parássemos por aí o que imaginaríamos? Que o COI está satisfeito com o andamento dos Jogos, certo? Afinal, foi esta a declaração oficial da entidade. Mas, astuto e experiente que é, Jamil Chade não parou na coletiva de imprensa e descobriu o que foi realmente falado na reunião do COI antes de eles se pronunciarem ao mundo: há muitos problemas a serem resolvidos no Rio. Aqui está a narração do Jamil em sua página no Face:

Cuidado leitores, nem sempre a informação oficial é verdadeira

As duas perguntas iniciais que Jamil faz são realmente importantes. As coletivas de imprensa são uma fraude? E, se sim, nós jornalistas não somos cúmplices dessa farsa?

A verdade é que não é de se estranhar que o COI vai tentar esconder até o último minuto a sua preocupação com os Jogos do Rio ou possíveis problemas. Assim como determinado político vai dizer que não está envolvido em algum escândalo, por mais que seja verdade (e não faltam escândalos políticos nesta semana, né?).

No futebol vemos as mesmíssimas coisas. Já participei de várias coletivas em que um dirigente falou que o técnico está mantido no cargo, quando dali a 5 minutos ele vai ser demitido. Ou diretor negando uma contratação quando na verdade um jogador está até com contrato assinado. Ou presidente de clube afirmando que os salários não estão atrasados, quando o próprio atleta diz que não recebe há dois meses.

Sim, é nosso papel de jornalista fugir das declarações oficiais para buscar a informação exata dos fatos. Mas e quem está em casa vendo este dirigente, político ou qualquer outro falando na tevê ou rádio? Como nos mostrou Jamil, infelizmente temos de deixar o ‘desconfiômetro’ ligado. Nem sempre a afirmação oficial é verdadeira. 

#imprensa #jornalismo #coi

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por