Esportes
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Esportes
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Esportes
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Help! Meio milhão de ingressos para a Olimpíada estarão disponíveis nesta semana

Sheila Vieira
há 2 anos5 visualizações

CORRE!

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Não é exatamente uma surpresa, mas esperava que isso fosse acontecer um pouco mais perto dos Jogos Olímpicos Rio-2016. A organização ainda não havia colocado à venda muitos ingressos de "liberação de contingência". O que isto significa? 

Como as arenas ainda estão em construção e há muitos detalhes a serem vistos em relação a espaço para emissoras de TV e imprensa, setor reservado para X, Y, Z etc, eles sempre vendem ingressos a menos do que a capacidade total, para não correrem o risco de venderem a mais.

Porém, como as construções já estão avançadas (se bem que a do tênis parou por rescisão de contrato este ano), esses ingressos podem ser liberados. Isso acontecerá em duas levas: a primeira na quinta-feira (21) e a segunda na sexta-feira (22), a partir das 10h.

Na quinta-feira, ingressos destas modalidades (e cerimônias) estarão à venda:

• Cerimônia de abertura

• Cerimônia de encerramento

• Atletismo

• Futebol

• Handebol

• Hipismo

• Natação

• Polo aquático

• Tiro com arco 

E estas são as de sexta: 

• Basquetebol

• Ciclismo de pista

• Ginástica (todas)

• Judô

• Nado sincronizado

• Saltos ornamentais

• Tênis

• Voleibol

• Volei de praia

O Rio-2016 ainda não divulgou com precisão quais fases de cada esporte voltarão à venda. Só disseram que a sessão do Atletismo que terá a final dos 100m rasos (14 de agosto) está entre elas, assim como "rodadas decisivas" do tênis, do vôlei e do vôlei de praia.

Como comprar os ingressos:

Você precisa ter um cadastro no site www.rio2016.com/ingressos, onde a venda será realizada. O pagamento só é aceito através de cartões de crédito VISA (sim, só VISA mesmo), com a possibilidade de parcelar em até três vezes. Se você não tiver desta bandeira, terá que fazer um cartão pré-pago virtual no próprio site e transferir dinheiro para ele antes (demora um/dois dias para cair, então faça isso agora). Caso sobre algum saldo nele, você pode usá-lo para outras compras até acabar ou pedir o reembolso. 

Segundo a organização, "o torcedor pode escolher até seis sessões, selecionando de quatro a seis ingressos para cada uma delas, devendo concluir sua compra em até 30 minutos". Caso você se interesse por outra sessão depois, terá que fazer um novo pedido. Mas, lembre-se, você provavelmente voltará para a temida FILA ELETRÔNICA.

Que é bem pior que essa fila da foto.

Já dá para verificar cada sessão no Guia de Ingressos, mas é mais prático você fazer o cadastro no site de venda e ver por lá. De qualquer forma, deixo aqui o link do Guia:

Nos vemos lá!

Rio-16 comete gafe, e mídia internacional não perdoa

Alguns erros são imperdoáveis. E a gafe cometida pelo Comitê Organizador dos Jogos do Rio para divulgar a venda de ingressos para a Paralimpíada foi daquelas que nunca poderia ter acontecido.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Na quinta-feira, no Twitter, o perfil da Rio-16 trazia uma foto de Oscar Pistorius no post que promovia a competição. O problema é que o ex-atleta foi condenado em 2013 pelo assassinato de sua mulher, cumpre prisão domiciliar e obviamente não estará na Paralimpíada.

Rio-16 comete gafe, e mídia internacional não perdoa

Não durou muito para as críticas virem à tona. O post ficou no ar apenas 20 minutos, mas o estrago já havia sido feito. E a repercussão foi mundial.

O jornal alemão Bild, o italiano La Gazzetta dello Sport e os ingleses Daily Mail e The Sun criticaram o Comitê Organizador dos Jogos. "Uma gafe que está fazendo chover muitas críticas sobre o Comitê Organizador da Rio-2016", dizia parte da matéria do The Sun.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por