Fatos e Fotos
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Fatos e Fotos
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Fatos e Fotos
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Ex-engenheiro da Nasa quer usar drones para acabar com o desmatamento

DaniBoy
há um ano28 visualizações

Os drones vão mudar o mundo! Esta é a promessa do ex-engenheiro da NASA, Lauren Fletcher, que pretende acabar com o desmatamento global ao plantar 1 bilhão de árvores por ano com a ajuda dessas naves não tripuladas.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Já sabemos que os drones estão tomando conta dos céus. Eles são usados em trabalhos comerciais e artísticos (para filmar/fotografar casamentos e até filmes para cinema, por exemplo), em monitoramento policial e também para entrega de medicamentos em distâncias curtas (onde o trânsito atrapalha bastante). Agora, Fletcher fundou a organização BioCarbon Engineering para plantar 36 mil árvores por dia utilizando apenas 15% do que seria gasto de maneira convencional. Será que vai conseguir?

Para começar, os drones fariam um mapeamento via satélite da área onde as árvores seriam plantadas, observando toda a topografia do lugar. Depois, um outro done plantaria as sementes no exato local, mantendo sempre a irrigação. E as naves fariam constantemente um monitoramento da nova 'floresta'.

A ideia é realmente boa e, se for bem executada, ajudaria a acabar com o problema que temos de desmatamento. Segundo dados, perdemos cerca de 6,5 bilhões de árvores por ano por causa das atividades humanas e desastres naturais.

Ex-engenheiro da Nasa quer usar drones para acabar com o desmatamento
Ex-engenheiro da Nasa quer usar drones para acabar com o desmatamento
Ex-engenheiro da Nasa quer usar drones para acabar com o desmatamento

#drones #desmatamento

Você sabia que existe um zoológico de micróbios na Holanda?

DaniBoy
há um ano64 visualizações

Você vai a um zoológico e, lá, encontra animais de diversas espécies: ursos, leões, girafas, crocodilos, cobras e aves. Esse na verdade é um passeio normal de qualquer zoológico, mas não em um que fica na Holanda: o zoo de micro-organismos.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

O Museu Micropia é um microzoo, fica bem perto zoológico Real Artis, em Amsterdã, e foi inaugurado em setembro de 2014, orçado em 10 milhões de euros.

Você sabia que existe um zoológico de micróbios na Holanda?

Vírus, bactérias, fungos e algas estão neste grande laboratório, construído especificamente para que as pessoas consigam enxergar esses micróbios. Dezenas de microscópios estão conectados a enormes telões, para o público conseguir ver o que está sendo examinado. Placas de Petri exibem colônias de bactérias e fungos reais crescendo. Em outro ambiente, visitantes passam por um ‘scanner’ que determina quantos micróbios vivem em seu corpo e em que parte.

Não há como negar que este é um diferente tipo de zoológico. Curioso, no mínimo!

Você sabia que existe um zoológico de micróbios na Holanda?
Você sabia que existe um zoológico de micróbios na Holanda?
Você sabia que existe um zoológico de micróbios na Holanda?
Você sabia que existe um zoológico de micróbios na Holanda?

#museu

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por