Futebol
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Futebol
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Futebol
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Arsenal não vai ser campeão outra vez, e técnico achou um culpado inusitado

DaniBoy
há um ano5 visualizações

Quarto colocado no Campeonato Inglês, o Arsenal já deu adeus às chances de título, restando três rodadas para o término da competição: está 12 pontos atrás do líder Leicester City. Questionado no cargo, o técnico Arsene Wenger já achou um culpado por mais uma temporada de fracassos: a torcida e o clima ruim no Emirates Stadium.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Arsenal não vai ser campeão outra vez, e técnico achou um culpado inusitado

Culpar a torcida é como dar um tiro no pé, é romper de vez com quem você mais precisa contar no ano. Na semana passada, na vitória por 2 a 0 sobre o West Bromwich, o treinador já havia reclamado de um boicote dos torcedores, por causa do vazio nas arquibancadas.

Há 12 anos sem um título nacional, a expectativa era que agora o Arsenal sairia vitorioso, ainda mais com Chelsea e Manchester United sem tantas forças. Apesar de um bom começo, o time sofreu alguns tropeços e viu o azarão Leicester disparar, com o Tottenham na vice liderança. O Manchester City vem na terceira colocação com os mesmos 64 pontos que o Arsenal.

Wenger reagiu às críticas que vem sofrendo e diz que os fãs que pedem sua demissão contribuíram para a queda do time nesta temporada. Que desculpa esfarrapada, heim!

“Esse clube tem valores especiais e minha experiência ao longo dos anos diz que devemos ficar unidos e apoiar o time. Não há sucesso sem isso”, afirmou, culpando ainda os resultados ruins no estádio por causa do pouco apoio da torcida. “Perdemos o campeonato em casa contra os times mais fracos, mas jogamos em um ambiente difícil.”

Não bastasse criticar a torcida, Wenger ainda bateu em ex-jogadores que andam falando mal do time, como Ian Wright, Paul Merson e Thierry Henry. "Algumas pessoas questionam o caráter dessa equipe, mas algumas pessoas que eles questionam têm menos caráter do que esta equipe tem.”

Apesar de não conseguir o título, o Arsenal ainda está na briga por uma vaga na Liga dos Campeões: só depende de si para conseguir a classificação. Mesmo assim, o clima entre Wenger e a torcida não deve melhorar muito. Ainda mais após essas declarações sem tanto fundamento. Afinal, culpar o outro por um resultado ruim seu é sempre uma desculpinha que não cola.

No jogo contra o Norwich, neste sábado, em casa, a torcida deve levar faixas contra Wenger em mais um dia de protestos. De acordo com o jornal The Telegraph, os torcedores planejam realizar um plebiscito para pedir a saída do treinador, que está no cargo desde 1996. A situação realmente não está nada fácil.

Arsenal não vai ser campeão outra vez, e técnico achou um culpado inusitado

#futebol #campeonatoingles #arsenal

No Dia do Goleiro, veja as 10 maiores defesas de todos os tempos

DaniBoy
há um ano6 visualizações
No Dia do Goleiro, veja as 10 maiores defesas de todos os tempos
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Marcos é, para os palmeirenses, santo. Já os são-paulinos chamam Rogério Ceni de mito. Cada torcida tem a sua preferência, mas não tem como negar: os dois foram gigantes no gol. Neste 26 de abril, comemora-se o Dia dos Goleiros. E separamos aqui 10 defesas extraordinárias de arqueiros que entraram para a história mundial ou de seus clubes. Claro que Marcos e Ceni estariam nesta lista:

#1 – Gordon Banks

Este lance da Copa de 1970 entrou para história. Pelé já comemorava seu gol sobre a Inglaterra após uma cabeçada que parecia certeira, mas Gordon Banks foi lá e mandou a bola para fora. Inacreditável!

#2 - Rodolfo Rodriguez

A sequência de defesas que o goleiro do Santos praticou contra o América de Rio Preto, em julho de 1984, na Vila Belmiro, é uma dessas cenas para ver e rever. Foram cinco defesas consecutivas enquanto os zagueiros não conseguiam reagir.

#3 – Higuita

O fanfarrão goleiro colombiano arriscou e mandou bem. Vejam só o que ele aprontou em um jogo contra a Inglaterra em 1995. Valeu pela ousadia e plasticidade.

#4 – Grégory Coupet

Mais um desses lances inacreditáveis. Rivaldo, então no Barcelona, tenta encobrir o goleiro do Lyon, em 1999. Não bastasse a primeira defesa espetacular, Coupet ainda pegou o rebote.

#5 – Rogério Ceni

A final do Mundial de 2005, entre São Paulo e Liverpool, consagrou Rogério Ceni, que fez diversas defesas difíceis no jogo. Mas talvez nenhuma tenha sido tão plástica como essa, em cobrança de falta de Gerrard.

#6 – Marcos

Mais um goleiro que tem centenas de defesas difíceis. Os palmeirenses podem escolher o pênalti que ele pegou de Marcelinho Carioca na Libertadores, mas coloco essa da final da Copa de 2002, pela seleção brasileira, contra a Alemanha.

#7 – David Seaman

Não sei vocês, mas eu vi essa bola já dentro do gol. De onde saiu o goleiro Seaman, do Arsenal? Olha o milagre que ele fez em 2003 contra o Sheffield United.

#8 – Petr Cech

Em um primeiro momento, parece que a bola foi direto para fora. Mas depois dá pra ver bem a belíssima defesa do goleiro checo na Eurocopa de 2004.

#9 – Zetti

Uma defesa no estilo Rodolfo Rodriguez: salvou o time 4 vezes seguidas num jogo da Libertadores em 1993, ano em que o São Paulo foi bicampeão do torneio.

# 10 - Ospina

É inacreditável o que o goleiro colombiano fez contra a Argentina na Copa América de 2015. Só vendo o vídeo para acreditar.

#futebol #goleiro

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por