Futebol
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Futebol
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Futebol
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Organizada do Palmeiras critica FPF e alerta para briga com corintianos

Quando as próprias Organizadas alertam para o pior, aí sim que a alguma medida deveria ser tomada. Não foi. E nesta quinta-feira não será surpresa de ninguém se torcedores de Corinthians e Palmeiras entraram em confronto na capital paulista.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Organizada do Palmeiras critica FPF e alerta para briga com corintianos

O Corinthians enfrenta o Audax em Osasco às 19h30. Às 21h, o Palmeiras pega o São Bento no Pacaembu. E em todo esse horário centenas de torcedores estarão se movimentando em trens e metrôs da região perto do estádio municipal de São Paulo.

A Mancha Alviverde, uma das principais organizadas do Palmeiras, soltou uma nota de repúdio nesta quarta-feira contra a Federação Paulista de Futebol.

Segundo a Torcida, o alerta para o encontro entre corintianos e palmeirenses já havia sido feito em reunião preparatória no 2º Batalhão de Choque, e disse que até a Polícia era contra os dois jogos no mesmo dia. E que, apesar disso, a FPF afirmou que a tabela não podia ser mudada.

“Uma cota de televisão é mais importe que a vida de todos os torcedores que frequentam estádios?”, questionou a Organizada no comunicado. “É inadmissível colocar jogos no mesmo dia, onde envolve Palmeiras x Corinthians, a maior rivalidade do Brasil e uma das maiores do mundo. O estádio do Pacaembu fica próximo à estação Palmeiras Barra Funda, sendo que essa mesma estação é passagem OBRIGATÓRIA para quem vai para Osasco, onde o Corinthians irá jogar.”

O comunicado é sério. E termina com um grave alerta: “O cerco para as organizadas está armado. Nós da Mancha Verde iremos fazer de tudo para que a ida e a volta de todos seja em paz. Porém, o risco existe e é grande.”

Apesar da nota da Mancha, não haverá desculpa nenhuma caso haja brigas ou confusões nesta quinta-feira: sabemos que bandidos estão dentro das Organizadas e procuram qualquer motivo para uma encrenca. Mas que a FPF devia ter mudado a tabela, isso não resta dúvidas. Em certo casos é melhor prevenir do que remediar.

#futebol #corinthians #palmeiras

Libertadores, São Paulo em campo... Agora começa o futebol

Nesta terça-feira começou a Libertadores. E, para mim, começou a temporada do futebol brasileiro.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Libertadores, São Paulo em campo... Agora começa o futebol

Calma, calma, que eu explico. Já tivemos a Copa São Paulo, os estaduais já deram seu pontapé inicial e a Liga Sul-Minas-Rio também está rolando. Mas, para um paulista e torcedor do São Paulo como eu, considero que é agora que tudo passará a valer.

Não sou um entusiasta do Campeonato Paulista. Claro que torço pro meu time ser campeão, claro que torço contra os grandes rivais, mas não consigo ver tanta graça na competição, ao menos nesta fase inicial. Ainda acho que o Estadual mais vale para os times pequenos do que para os grandes: é quando eles mais conseguem visibilidade e uma boa graninha, desde que seja um time com um mínimo de estrutura.

O São Paulo empatou na estréia do Paulistão, mas e daí? O que vale mesmo é o jogo desta quarta-feira, contra o Cesar Vallejo, no Peru. Essa fase da pré-Libertadores pode parecer fácil, mas a ansiedade e a pressão são maiores para equipes mais tradicionais. E não vamos nunca esquecer da eliminação do Corinthians para o Tolima em 2011.

Para uma competição continental, a chegada de técnico e jogadores estrangeiros pode ajudar o São Paulo a conquistar o título que não vem desde 2005. O treinador Edgardo Bauza já venceu o torneio duas vezes: com a LDU em 2008 e pelo San Lorenzo em 2014.

Libertadores, São Paulo em campo... Agora começa o futebol

O lateral esquerdo chileno Eugênio Mena, o zagueiro uruguaio Diego Lugano e o atacante argentino Jonathan Calleri são alguns dos reforços do time na temporada. Lugano já venceu a Libertadores em 2005 com o São Paulo, mas não estará em campo nesta quarta-feira. Para não parar por aí com os estrangeiros, o time ainda conta com o argentino Centurión no ataque.

Este 2016 será diferente para o torcedor são-paulino que terá de se acostumar com Denis no gol, após a aposentadoria de Rogério Ceni. O time também mudou em relação ao ano passado, com as saídas de Luis Fabiano e Alexandre Pato.

Agora é aguardar o jogo da noite para ver como a equipe vai se comportar no desafio que realmente interessa pro torcedor. Passar desta fase é obrigação – o jogo de volta será dia 10, próxima quarta-feira, no Pacaembu (o Morumbi está passando por reformas).

#futebol #saopaulofc #libertadores

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por