TV
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
TV
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
TV
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

Fábio Garcia
há 2 meses62.2k visualizações

Há muitos exemplos de vezes em que a série "Os Simpsons" conseguiu adivinhar o que aconteceria no futuro, mas a Internet ignora que o seriado "Chaves", criado por Roberto Gomez Bolaños, também previu muitas coisas que rolaram anos mais tarde. Reunimos uma pequena lista com exemplos mediúnicos da famosa série mexicana.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

O filme do Pelé. Um belo dia, Dona Florinda deixou de molho sua rabugentice e levou Chaves e Chiquinha para ver um filme no cinema. O órfão não gostou da escolha do longa, e ficou reclamando o tempo inteiro que preferia ter ido ver o filme do Pelé. Acontece que não existia um filme do Pelé na época! Provavelmente o garoto teve uma visão de 2004, quando foi lançado o filme "Pelé Eterno".

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

Períodos de Seca. Por diversos motivos que vão desde mudanças climáticas e péssimo planejamento dos governantes, o Brasil passou por vários períodos de seca em que as pessoas precisavam se virar para arranjar água. Décadas atrás Chaves já previu isso, e nos ensinou que nesses momentos o ideal é mandar adultos vestidos de crianças irem buscar água em baldes na outra vila.

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

A briga em "A Força do Querer". Na atual novela das nove, no meio da briga entre as personagens Joyce e Irene, a esposa traída acabou arremessando um sapato bem na cara da vilã malvada. Isso já havia sido previsto décadas antes por Chaves, que arremessou o calçado na cara de Seu Madruga que, confuso, perguntou se era da "sapatos air-line".

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

O julgamento da chapa Dilma-Temer. O julgamento da chapa Dilma-Temer foi praticamente o remake brasileiro do julgamento do Chaves por causa da morte do gato do Kiko. Os dois foram repletos de gritaria, de decisões parciais do juiz responsável e por um dos envolvidos tendo de pedir licença para ir ao banheiro no meio do tribunal.

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

Atrasos nos correios. Quantas vezes você não fez aquela encomenda esperada e os correios demoraram demais a entrega? Chaves já previu isso quando mostrou que Jaiminho, o carteiro, aceitou o trabalho de entregar cartas de bicicleta mesmo sem saber andar no veículo. Ou seja, as coisas demoravam muito porque vinham a pé.

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

O Enem. A prova do Enem é famosa no Brasil todo por causa dos barrados no portão, mas o maior mérito do exame nacional do Ensino Médio é que ele se tornou um exame interdisciplinar: ou seja, não está dividido em matérias tradicionais. Tudo está misturado. Sabe quem era assim antes? Sim, as aulas do Professor Girafales! O professor linguiça já veio na vanguarda e sempre fazia perguntas de temas variados para seus alunos, sem introduzir um tema específico.

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

O Lollapalooza. Hoje os jovens se divertem horrores em festivais de música como o Lollapalooza, conhecido por misturar as atrações que cantam com outras atividades artísticas. Tudo isso, na verdade, foi previsto por Chaves e seus vizinhos quando organizaram o Festival da Boa Vizinhança. Teatro, música e shows de mágica bem ali no pátio da sua vila.

8 vezes que a série "Chaves" (sim, a clássica) previu o futuro

MasterChef. Durante a fase da série em que Florinda se tornou uma pequena empreendedora e adquiriu um restaurante, vimos o episódio em que Chaves sonha com Chiquinha e Paty lhe oferecendo bolos para que ele provasse e escolhesse o melhor. Mal ele sabia que estava era sonhando com o reality "MasterChef" em que os jurados precisam fazer o mesmo com pratos feitos por amadores.

Cópia coreana do "Bom Dia & Cia" só não tem sorteio de PlayStation

Fábio Garcia
há 2 meses16.4k visualizações

Vamos para a listinha: dupla de apresentadores conversando animadamente com crianças? Confere. Roleta premiada? Confere. Sorteio de mil reais? É, isso não tem.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Cópia coreana do "Bom Dia & Cia" só não tem sorteio de PlayStation

(Reprodução/ YouTube)

Atualmente a Coreia do Sul é a maior exportadora de coreografia malucas de K-pop e celulares explosivos, mas devemos reconhecer a importância do país também no campo televisivo, principalmente em se tratando de novelas (tem várias na Netflix pra assistir, inclusive). Mas você acredita que os baixinhos de lá do outro lado do mundo têm um programa igualzinho ao "Bom Dia & Cia" do SBT? Pois é, eles têm!

Cópia coreana do "Bom Dia & Cia" só não tem sorteio de PlayStation

(Reprodução/ SBT)

Com o nome de "보니하니"  (algo como "Bonnie Honey"), este programa tem muitas semelhanças com o infantil do SBT. Temos uma dupla de apresentadores que lembra MUITO Yudi Tamashiro e Priscila Alcântara, rola uma interação com o pessoal de casa por telefone e tudo termina numa roleta premiada estimulando o tradicional consumismo na juventude.

Cópia coreana do "Bom Dia & Cia" só não tem sorteio de PlayStation

(Reprodução/ YouTube)

Bem, é aí que começam as diferenças do nosso patrimônio nacional. Depois que limitaram a propaganda infantil na televisão do Brasil, o programa da emissora do Silvio Santos agora se limita a sortear prêmios em dinheiro para a criançada em vez do famoso PlayStation que fez tanta alegria na década passada, ganhando até um funk do apresentador Yudi. No programa coreano, as crianças ainda competem por produtos que fazem a alegria dos vendedores de brinquedos.

Embora seja muito parecido com o "Bom Dia & Cia" do SBT, o "보니하니" não pode ser considerado uma "cópia", afinal o formato da emissora do Silvio Santos não é a coisa mais criativa do mundo. Crianças participando de provas por telefone em busca de prêmios é algo que acontece desde quando o Bozo ouviu uma criança mandá-lo tomar naquele lugar que não bate sol.

O "Bom Dia & Cia" também não teve sempre esse formato e foi se adaptando aos tempos: começou com Eliana e fantoches, depois passou para um jogral cafona com Kauê e Jéssica, virou uma gincana interativa com Yudi e Priscila e, agora, é um apanhado de jogos educativos que Silvia Abravanel comanda por Skype com as crianças.

Pela curiosidade, vale a pena conferir os vídeos desse programa coreano. Nem que seja para ter certeza que a versão brasileira é beeeem melhor: quem não se lembra que tínhamos um periquito que lia a sorte das crianças que participavam da atração?

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
fabio.garcia
Escrevo sobre TV desde 2012. Amo programa bom, e ainda mais se for ruim. @fabiogaj