OUTROS

Alemão não sabe escolher gol e lista com 10 melhores da Bundesliga decepciona

Fábio Hecico
Author
Fábio Hecico

Gol de falta não é pintura, chutando para o fundo das redes após pressão na marcação também não. Muito menos chute cruzado rasteiro ou deitado. A Bundesliga divulgou a lista dos dez melhores gols do primeiro turno do Campeonato Alemão e mostrou que, ou o campeonato está fraco, ou alemão não sabe fazer escolhas.

Dos 10 gols selecionados, quatro não mereciam figurar na lista. Nem mesmo o do brasileiro Douglas Costa pelo Bayern de Munique, que figura na sétima colocação. Quiseram valorizar um chapéu do jogador da seleção brasileira de carretilha, muito bonito por sinal, mas depois compensaram comum chute rasteiro comum.

O próprio pódio deixa à desejar. Como uma cavadinha de Huntelaar, do Shalke 04, só ele e o goleiro, vale a segunda colocação, e o lance idêntico de Aubameyang, do Borussia Dortmund, quase fora da área, aparece só em oitavo?

E a medalha de bronze, para Volland diante do Bayern? O gol do Hoffenheim mostrou uma boa marcação sob pressão em saída de bola dos bávaros, mas o gol até uma criança faria. Bastou chutar para as redes. Péssima escolha.

Calhanoglu, do Bayer Leverkusen, mostrou que é preciso em cobranças de faltas. Mas provavelmente muitos outros gols em cobrança por cima da barreira irão acontecer. Exagero.

O primeirão é Lewandowski, do líder Bayern. Um belo voleio. Mas seria este gol mais belo que a jogada do gol de Javier Hernandez, do Leverkusen, o décimo. Ou a enfileirada de Sané do Shalke 04, deixando até o goleiro na saudade? Ele mereceu só o quinto lugar.

A Bundesliga aproveitou para divulgar as 10 melhores defesas. Mas é melhor nem comentar. Vamos aguardar as próximas rodadas, já que até agora foram apenas 17. Vai melhorar, não é possível só isso no futebol tetracampeão mundial.