Histórias dos Esportes
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Histórias dos Esportes
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Histórias dos Esportes
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Messi? Ronaldo? Neymar? Não. Só Laurent Depoitre, na mira de 13 clubes ingleses

Fábio Hecico
há 2 anos4 visualizações

Deu a louca no mundo. Gent x Wolfsburg virou o jogo do momento para os ingleses. Como assim um duelo entre belga e alemão terá atenção especial dos compatriotas da Rainha Elizabeth II? O motivo tem nome, sobrenome e faro de gol apurado: o atacante Laurent Depoitre será observado neste jogo por representantes de incríveis 13 clubes da Premier League.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Messi? Ronaldo? Neymar? Não. Só Laurent Depoitre, na mira de 13 clubes ingleses

13 times de olho num jogador só pode se tratar de um fenômeno mundial, um craque do quilate de Messi, Cristiano Ronaldo, Neymar. Jovem de talentoso e promissor?

Messi? Ronaldo? Neymar? Não. Só Laurent Depoitre, na mira de 13 clubes ingleses

Que nada. Depoitre já está com 27 anos e nunca jogou em clubes de fora da Bélgica. Começou no Tournai, passou por Peruwelz, Aalst e Oostende e está no Gent desde 2014. Na carreira, títulos de acesso na quarta, terceira ( duas vezes) e segunda divisão, além de um campeonato belga e uma Supercopa.

Messi? Ronaldo? Neymar? Não. Só Laurent Depoitre, na mira de 13 clubes ingleses

Um cara que pouco apareceu até hoje, de uma hora para outra, vira a atração inglesa. Certamente causará inveja no astro Rooney. Ele é um grandalhão destro, tem 1,91 m e pouco mais de 100 gols como profissional. Um na seleção belga, na qual jogou por... Uma vez.

Messi? Ronaldo? Neymar? Não. Só Laurent Depoitre, na mira de 13 clubes ingleses

Nem da seleção é? Será que aprendeu só agora? Vamos assinar o pay-per-view belga para conhecer o futuro Bola de Ouro. Se cuida Messi.

Ao menos fama Depoitre começa a ganhar. Já virou o novo Benteke e está travando um belo clássico entre Tottenham, Manchester United, Manchester City e Arsenal. Todos eles terão observadores no Ghelamco Arena, de Gent. Correm por fora e também já enviaram seus olheiros uma turma menor, mas muito empolgada com o centroavante: Leicester, Crystal Palace, Stoke City, Aston Villa, Everton, West Ham, Southampton, West Brom e Sunderland.

Com tanta gente interessada, certamente o Gent ganhará uma boa grana. E o autor do DVD de Depoitre também. Eu, claro, tive de ver o que ele faz para inglês ver. Tirem suas conclusões.

#gent #laurentdepoitre #boladeouro #novorooney #futebol

Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores

Fábio Hecico
há 2 anos3 visualizações

Pode acontecer, mas dificilmente o título da Copa Libertadores deste ano escapa de equipes brasileiras ou argentinas. Dos 32 participantes, 6 são hermanos e outros 5 verde-amarelo. A pergunta é: temos como encarar os arquirrivais e retomar a hegemonia na América após dois anos em branco?

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores

San Lorenzo, campeão de 2014 e River Plate, atual detentor do título, estão confirmados e com equipes fortes. O Boca Juniors tem um poder ofensivo grande com Tevez (caso resista à oferta milionária que recebeu da China) e Osvaldo e sempre é temido, enquando o Racing aposta num quarteto de respeito. Huracán e Rosário Central correm por fora com defesas sólidas.

Enquanto os argentinos esbanjam confiança e não escondem o favoritismo, os brasileiros rastejam.

O Corinthians, um dos favoritos antes do desmanche, agora luta para se reconstruir.
Bons reforços chegaram, como Guilherme, Giovanni Augusto, Marlone, Balbuena e André. Mas falta o entrosento, primordial para competição de tiro curto e mata-matas.

O Palmeiras iniciou o ano amargando tropeços e viu a harmonia após a conquista da Copa do Brasil ruir. Larga esta noite no Uruguai sob pressão diante de um frágil River Platéia genérico. Marcelo Oliveira ou se reinventa ou comerá bacalhau na Semana Santa em outra freguesia.

O São Paulo contratou um técnico acostumado a arrumar defesas. O ano nem bem começou e o setor já dá dor de cabeça em Edgardo Bauza. Ganso alterna altos e baixos e o time é outro que causa enorme desconfiança.

Atlético-MG e Grêmio manteriam os elencos e ainda se reforçaram. Largam na frente, correto? Não, os elencos são bons, mas a largada no ano é nada animadora.

Vão se superar? Ou pelo terceiro ano não teremos times na final? De certo é que na Argentina já imaginam até uma decisão local - para isso três equipes teriam de chegar às semifinais.

O Boca só fala na decisão. Mas precisará que Osvaldo cure logo o dedo quebrado e que Tevez 'desencanta'. O jogador mais valioso do torneio empacou após os atrasos de salário. Curioso, não?

Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores

O River Plate contratou D'Alessandro e está radiante na busca pelo segundo título segundo. O São Paulo que se cuide pois estão na mesma chave.

Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores

O Racing tem o artilheiro Bou, Gabriel Milito, Óscar Romero e Lisandro López como armas para detonar as defesas adversárias.

Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores

E não menosprezam San Lorenzo, Rosario Central e Huracán com suas potentes torcidas.

Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores
Brasileiros, com times capengas, desafiam o poder argentino na Libertadores


Está Libertadores ainda conta com experientes e perigosos times como os uruguaios Nacional e Peñarol e o paraguaio Olímpia. É melhor o Brasil começar a colocar as barbas de molho, pois o cheiro de vexame paira no ar.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por