Histórias dos Esportes
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Histórias dos Esportes
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Histórias dos Esportes
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Não há adversários para os Warriors na NBA? Time massacra Spurs em 'final'

O jogo tão aguardado da NBA não aconteceu. Ou melhor, faltou aquela competitividade prevista para a primeira prévia entre os dois principais candidatos ao título. Depois de um massacre por 120 a 90 sobre os Spurs a pergunta nos EUA é a seguinte: alguém consegue parar o Golden State Warriors?

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Hoje a resposta é não. Mesmo com os Spurs jogando sem Tim Duncan. O pivô evitaria apenas que a derrota fosse tão ampla. Os Warriors sobram diante de qualquer um.

Não há adversários para os Warriors na NBA? Time massacra Spurs em 'final'

E, a cada jogo, impõem uma marca diferente. Com seus 18 pontos de três (foram 37 no jogo) Stephen Curry agora é o mais jovem a somar 1,4 mil pontos de três na NBA.

Não há adversários para os Warriors na NBA? Time massacra Spurs em 'final'

Por outro lado, os Spurs não perdiam por 30 pontos de diferença desde 1013. Em março daquele ano levou 136 a 106 do Portland.

O esperado jogo desta madrugada foi tão sem graça ou fácil demais aos Warriors que eles se deram ao luxo de jogar com reservas no quarto período. "Eles foram superiores em tudo", admitiu Ginóbilli.

As duas equipes certamente farão a decisão da conferência. Até lá, os Spurs terão de melhorar muito ou mais uma vez serão derrotados. Tim Duncan já sabe que pode ser o salvador.

Não há adversários para os Warriors na NBA? Time massacra Spurs em 'final'

Já os Warriors parecem se divertir na temporada. Em casa, faz ao menos 100 pontos em todo mundo e ainda arrasa com os principais concorrentes como fez com Spurs e Cavaliers.

Oakland já vislumbra outra conquista. E Curry, Klay Thompson, Draymond Green, André Iguodala, Andrew Bogut e cia. preparam os dedos para novo anel. Todos com os pés no chão.

#nba #goldenstatewarriors #basquete

Um Cristiano Ronaldo que poucos conhecem. Nervoso e agredindo rivais

Fábio Hecico
há 2 anos2 visualizações

Aquele Cristiano Ronaldo engomadinho, sempre com gel no cabelo e cara de bom moço tem seu lado mau. De novembro para cá, o astro do Real Madrid parece com os nervos à flor da pele. Irritadiço com algo que ninguém sabe, CR7 agora vem chamando a atenção por agredir adve

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Um Cristiano Ronaldo que poucos conhecem. Nervoso e agredindo rivais

rsários.

A vítima da vez foi o lateral Molinero, do Bétis. Num lance em velocidade, Cristiano Ronaldo é flagrado desferindo um chute no oponente.

O curioso, de acordo com levantamento do diário catalão Sports, é que a arbitragem em nenhuma das agressões expulsou o jogador. Em alguns lances nem o cartão amarelo acabou mostrado.

Há uma semana, CR7 já havia mostrado seu destempero diante do Sporting Gijón. Após uma trombada normal de jogo, o português desferiu um chutaço em Nacho Cases.

A agressão quase causa uma grande confusão. O árbitro, do lado do lance, marcou apenas a falta para o Real Madrid e não teve coragem de expulsar o astro. Um lance desnecessário de fim de jogo e com placar consumado em 5 a 0.

Cristiano Ronaldo, óbvio, é caçado em campo por oponentes. Mas não pode fazer justiça com as próprias mãos - ou pés. Cabem aos árbitros coibir a violência e também não sucumbirem diante da Fama do camisa 7.

Na lista de 'agredidos' por Cristiano Ronaldo tem um brasileiro. O lateral Daniel Alves, do Barcelona, levou uma cotovelada no clássico do dia 21 de novembro do ano passado.

Na premiação da Bola de Ouro, no começo do mês, o brasileiro bateu boca com o português ainda por causa daquele lance.

O penúltimo mês de 2015 foi o ápice do nervosismo de CR7. Logo no primeiro jogo daquele mês, deu um chute em David Simon, dos Las Palmas.

Uma semana mais tarde, Cristiano Ronaldo resolveu dar a de boxeador e desferiu um soco em Krychowyak, do Sevilla. Será que ninguém terá peito para mandar o português mais cedo para o chuveiro?

Fosse no Brasil e, pelas imagens de tevê, já teria pego uns 15 anos de suspensão após cinco agressões seguidas. Ou seria tudo acidental? Vale lembrar que vira e mexe ele está trocando empurrões e cabeçadas com adversários. Quer jogar sozinho? Compra uma bola.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por