OUTROS

Visitantes atrevidos desafiam a casa dos melhores da conferência na NFL

Fábio Hecico
Yazar
Fábio Hecico

No próximo fim de semana, a NFL vai conhecer os finalistas de suas conferências. Denver Broncos, primeiro, e New England Patriots, segundo na AFC e Carolina Panthers, o melhor, e Arizona Cardinals, logo atrás, na NFC, recebem os vencedores dos duelos de Wild Card. Kansas City Chiefs, Pitsburg Steelers, Seattle Seawalks e Green Bay Packers, os desafiantes, mandaram um aviso aos descansados adversários: o fator casa pode não valer muito nestes confrontos.

Os quatro classificados do Wild Card pela primeira vez na história ganharam atuando fora de casa. E esperam voltar a surpreender quem somou uma campanha mais regular na fase de classificação.

O Kansas City, do brasileiro Cairo Santos, passou como rolo compressor diante do Houston Texans, por 30 a 0, e agora desafia os Patriots de Tom Brady e o barulho do Foxborough. Jeremy Maclin, principal peça ofensiva depois da lesão de Jamaal Charles, no começo da temporada, deve atuar. Ele havia deixado o jogo diante dos Texans com suspeita de ruptura no ligamento cruzado. Exames tranquilizaram os torcedores.

Visitantes atrevidos desafiam a casa dos melhores da conferência na NFL

Os Patriots, contudo, prometem não facilitar. E contarão com Brady, Amendola, Julian Edelman e Gronkowski inteiros após desfalcarem alguns jogos por lesão.

Os Steelers, donos de seis superbowls, ‘ganharam’ a vaga com field gol no fim da partida do Cincinnati Bengals, proporcionado por duas faltas de Byrfict, quando o jogo marcava 16 a 15 com menos de dois minutos para o fim.

Agora, os metaleiros lutam contra os problemas médicos, já que sua dupla dinâmica, o quarterback Ben Roethlisberger, o Big Ben, e o wide receiver Antonio Brown estão lesionados. O trabalho em PIttsburgh é para que cheguem inteiros e embalados diante do Denver, do cambaleante e ainda dúvida Payton Manning, no Mile High Stadium.

Visitantes atrevidos desafiam a casa dos melhores da conferência na NFL

Manning está com problemas desde novembro e atuou em uns jogos sem condições, pois seu substituto, Brock Osweiler não tem experiência, principalmente para jogos desta grandeza.

Os Packers ainda não engoliram a surra diante do Arizona na 16ª semana e prometem vingança no University of Phoenix. Se naquele dia foram oito sacks em Aaron Rodgers e teve show e dancinha do Ula de Carson Palmer, agora os Cabeças de Queijo querem mudar orumo da história.

Visitantes atrevidos desafiam a casa dos melhores da conferência na NFL

Para isso, apostam em nova aparição de gala de seu quarterback e da linha ofensiva como no domingo. Depois de saírem atrás dos Redskins com 11 a 0, os Packers mostraram força para buscar um 35 a 18 em Washington.

Um confronto interessante será entre o Seattle de Russel Wilson diante do Carolina de Cam Newton. Os Panthers só ganharam no Bank of America Stadium e chegam com a pompa da melhor campanha com 15/1. Na busca pelo primeiro título, a empolgação é grande, apesar de um certo favoritismo ao finalisa das duas últimas temporadas.

Após ganhar a classificação de presente (venciam os Vikings por 10 a 9 e viram o rival perder um field gol no fim da linha de 27 jardas), os Seawalks apostam na força de seu estrelado elenco para calar Charlotte. Marshawn Lynch ainda é dúvida, mas Wilson e Richard Sherman estão confirmadíssimos.

Visitantes atrevidos desafiam a casa dos melhores da conferência na NFL

As bolsas de apostas estão a todo vapor e ouso arriscar que apenas Steelers e Seattle têm chances de ganhar fora. Mas Green Bay carrega camisa pesada e os Chiefs estão cheios de empolgação.