Como sair da lama econômica?
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Como sair da lama econômica?
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Como sair da lama econômica?
ic-spinner
Hikayeni paylaş
Sevdiğin hikayeleri ve yazarları bul ve takip et. İlham al, sen de kendi hikayelerini yaz. Hikayelerine arkadaşlarını davet et. Paylaş ve tüm dünyaya sesini duyur.

Cerveja e carne no Brasil: o consumidor não precisa da Polícia Federal

Gustavo Kahil
7 ay önce2 görüntüleme
Cerveja e carne no Brasil: o consumidor não precisa da Polícia Federal
Sevdiğin konularda arkadaşlarınla işbirliği yap
Bu konuda yazmak ister misin? ▸

Há uma semelhança inconveniente entre as cervejas e carnes mais consumidas no Brasil. A qualidade de ambas é questionável. Não, não estou falando de alguma nova operação da Polícia Federal do tipo “Água na Cerveja” ou um desdobramento da “Carne Fraca”, mas da percepção do próprio cliente.

Pense nisso: quantas vezes, recentemente, você comprou uma carne que soltou muita água ou que não atendia a qualidade esperada? É culpa das irregularidades, você pode pensar. Apesar disso, sabe-se agora que a investigação da PF está concentrada em um pequeno grupo de frigoríficos, ou seja, os problemas provavelmente não justificam a carne de baixo aspecto e qualidade que temos visto nos supermercados.

Não é exatamente uma boa notícia, não é mesmo?

E a cerveja, por quantas vezes você já ouviu dizer por aí que aquela famosa marca já não é mais como era antigamente? Neste caso os dados dão suporte para essa percepção incômoda dos brejeiros brasileiros. Isso porque a AmBev sentiu na pele a queda da procura por seus rótulos e uma busca maior por cervejas do tipo “puro malte” e não abarrotadas de milho.

A empresa lançou garrafas de várias cores, pequenas e retornáveis, chamou a Budweiser de premium, mas nada disso foi capaz de compensar a crise. O resultado foi a perda de mercado, além de uma forte queda dos volumes. Isso abriu espaço para a chegada forte da Heineken, que comprou a Kirin Brasil, que já tinha levado a Schin Brasil há alguns anos.

Não há motivo para esperar um futuro diferente para as carnes. Em agosto do ano passado, o Brasil assinou com os Estados Unidos um tratado para abrir o mercado para a nossa carne. Em contrapartida, o país começaria a receber o produto americano por aqui. Coincidentemente, ou não, os primeiros cortes do tipo “prime rib, t-bone e top sirloin” estão começando a chegar por aqui e serão comuns nos supermercados já nas próximas semanas.

O consumidor agora terá uma comparação entre as carnes “premium” e, para isso, não é preciso nenhum delegado da PF no seu churrasco.

Golpe econômico de Dilma ainda tira dinheiro do seu bolso

Gustavo Kahil
7 ay önce36 görüntüleme
Golpe econômico de Dilma ainda tira dinheiro do seu bolso
Sevdiğin konularda arkadaşlarınla işbirliği yap
Bu konuda yazmak ister misin? ▸

O Brasil luta para sair da recessão a cada dia com reformas que tentam deixar para trás o fantasma da famigerada “nova matriz econômica”, mas o verdadeiro golpe econômico aplicado por Dilma Rousseff e Guido Mantega continua a pesar sobre o bolso do brasileiro.

Veja bem...a questão aqui não é ser de direita ou esquerda, mas brasileiro.

As pobres e irresponsáveis decisões da política econômica da ex-presidente – uso indiscriminado dos bancos estatais para financiar aventuras como a redução forçada do preço da energia e de conteúdo nacional da Petrobras – afundaram o país na recessão e continuam a tirar bilhões de reais das nossas famílias.

Segundo dados da consultoria Economática de hoje, no ano de 2016 as empresas estatais Petrobras, Eletrobrás e Banco do Brasil fecharam com prejuízo consolidado de R$ 3,36 bilhões. É o terceiro ano consecutivo em que isso acontece.

Golpe econômico de Dilma ainda tira dinheiro do seu bolso

E não fica por aí...

Os Correios estão à beira da falência. A estatal, que começou a ser sugada durante o Mensalão, teve prejuízos de R$ 2,1 bilhões em 2015 e R$ 2 bilhões no ano passado.

Cada 1 real a menos nas contas de cada uma dessas empresa é 1 a menos no seu bolso. Só em 2016, considerando apenas estas estatais, são R$ 5,46 bilhões. É um belo de um legado.

Hikayeyi okudun
Story cover
tarafından yazıldı