ENTRETENIMENTO

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Júlia Korte
Author
Júlia Korte

Porque a série vai acabar no momento certo e tudo que já sabemos sobre a nova temporada

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Os fãs de Orphan Black, como eu, já estão lamentando o fim da série na quinta temporada, que tem estreia programada em 10 de junho nos EUA.

Confira o teaser:

A ansiedade é grande. E, agora, para acalentar os corações enquanto o trailer não chega, a BBC América divulgou as primeiras fotos oficiais da trama estrelada por Tatiana Maslany, que interpreta as personagens Sarah, Helena, Rachel, Alison e Cosima.

Veja algumas das imagens abaixo:

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Delphine e Cosima

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Sarah

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Rachel e Sarah

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Felix, Sarah e Mrs. S

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Ferdinand 

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Donnie, Alison e Felix

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Rachel e Ira

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Mrs. S, Sarah e Kira

A despedida dolorosa (e necessária) de Orphan Black

Helena

Se você está se perguntando “por que agora?”, nós trazemos a razão. Segundo um dos criadores, John Fawcett, o fim trará respostas. Isso é tão óbvio quanto maravilhoso. Calma. É que para quem acompanha a história desde o início, enquanto a adrenalina aumentou entre tantas reviravoltas, o mistério também. Sendo assim, é de extrema importância que essas perguntas deixem de pairar no ar.

Veja bem, todo bom fã sempre quer continuar devorando episódios atrás de episódios e raramente cansamos de ver nossos personagens na telinha. Porém, é melhor essa sensação do que acabar como um Dexter ou The OC em que você assite até o final simplesmente porque perdeu centenas de horas antes, sendo que a produção já não tem os mesmos atrativos de antes. Pior ainda, quando o nó é tão grande que nem o fim consegue explicar e todos ficamos cheios de perguntas – não num bom sentido – como aconteceu com Lost.

Teorias são legais e fazem parte desse desejo insaciável de consumir o próximo episódio, como é com Game of Thrones, Walking Dead e Westworld que conseguem prender milhares de espectadores semana atrás de semana. Só que uma hora é necessário se despedir.

Na sinopse dessa nova temporada, a ameaça da Neolution ganhar acesso total à engenharia de clonagem está a cada dia maior, enquanto Sarah e as demais clones tenta tomar o controle do jogo e proteger a família. É claro, uma personagem será vital nesse sentido: Kira Manning.

Chegou a hora de entendermos mais a fundo a conspiração e descobrir a verdade. É a melhor solução para manter a qualidade, ainda mais em um seriado que sempre teve um alto padrão de narrativa e em brincar com a emoção dos espectadores. Logo, não podemos deixar de concordar com os criadores: como um programa de TV, é melhor se cancelar, do que ser cancelado. 

A própria atriz declarou também ano passado que “os fãs do seriado ficarão satisfeitos”. No plano sempre foram 5 temporadas e é genuinamente legal que eles estejam cumprindo isso. Quantas vezes não escutamos que seria o fim e, de repente, não é mais? Só que tudo está ruim e a bagunça não tem mais volta... 

 Melhor manter a memória afetiva positiva. Humor, suspense, ação e ficção científica, uma combinação improvável e prazerosa que define Orphan Black. Vai deixar saudades, mas sempre terá um espaço no coração. E talvez até para relembrar quando bater a vontade. <3 

Dito isso, vem logo junho!