Close certo
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Close certo
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Close certo
ic-spinner
Hikayeni paylaş
Sevdiğin hikayeleri ve yazarları bul ve takip et. İlham al, sen de kendi hikayelerini yaz. Hikayelerine arkadaşlarını davet et. Paylaş ve tüm dünyaya sesini duyur.

Conheça “Corra!", o filme de terror sobre racismo que está dando o que falar

Júlia Korte
6 ay önce262 görüntüleme

Sucesso de público e crítica lá fora, a produção chegará aos cinemas brasileiros em breve 

Conheça “Corra!", o filme de terror sobre racismo que está dando o que falar
Sevdiğin konularda arkadaşlarınla işbirliği yap
Bu konuda yazmak ister misin? ▸

Abordando questões raciais, o filme “Corra!” está sendo considerando um fenômeno do gênero. Lançado ainda em janeiro, nos Sundance Film Festival, só arranca elogios e público por onde passa. 

Mas antes de qualquer coisa, confira o trailer que acaba de chegar por aqui:

A trama se passa em dois dias, e gira em torno de um jovem negro (Daniel Kaluuya) que visita para conhecer os pais da sua namorada branca (Allison Williams). Um misto de terror psicológico e crítica social, a história aborda em como ele lida com as tentativas exageradas dos sogros de aparentarem normalidade e o comportamento dos funcionários da casa, todos negros. Claro, algumas coisas estranhas começam a acontecer e ele teme pela própria segurança.

O sucesso foi tremendo. O filme mal estreou nos EUA e Canadá e já quebrou alguns recordes; é inédito – acredite ou não – o primeiro filme de um diretor negro ultrapassar os 100 milhões de dólares em bilheteria, além de ser a maior abertura de um primeiro filme baseado em roteiro original, marca alcançada previamente apenas por “A Bruxa de Blair”. De acordo com a Forbes, “Corra (Get Out)” já lucrou 150 milhões na bilheteria somente nos EUA, enquanto “A Bruxa de Blair”, de 1999, chegou a lucrar 140 milhões de dólares na época.

Além da dose de realismo nesse roteiro, que traz o medo de julgamento e desrespeito, sem contar o de perder a própria liberdade, outro fator apontado pela genialidade é a temática contemporânea. Afinal, a população negra norte-americana tem vivido momentos violentos e tensões com autoridades nos últimos tempos.

Conheça “Corra!", o filme de terror sobre racismo que está dando o que falar

Não tem múmia, bicho papão ou cobras gigantes. O mais curioso é o que monstro dessa história é o racismo. Como a crítica disse, é bizarro e assustador, ao mesmo tempo com dose certa de humor, já que o diretor, Jordan Peele, abusa da criatividade.

O elenco conta com Caleb Landry Jones (“Amor, Drogas e Nova York”), Stephen Root (“Spectral”), Betty Gabriel (“12 Horas Para Sobreviver: O Ano da Eleição”), Marcus Henderson (“Meu Amigo, O Dragão”) e Lakeith Stanfield (“Snowden: Herói ou Traidor”).

Conheça “Corra!", o filme de terror sobre racismo que está dando o que falar

Gostou? A estreia no Brasil é dia 15 de junho. 

Marvel vs. DC: confira a opinião de Chris Pratt sobre essa rivalidade

Júlia Korte
6 ay önce172 görüntüleme

O ator de 'Guardiões da Galáxia Vol. 2' fez críticas a 'Esquadrão Suicida' e ainda deu algumas sugestões para as futuras produções 

Sevdiğin konularda arkadaşlarınla işbirliği yap
Bu konuda yazmak ister misin? ▸
Marvel vs. DC: confira a opinião de Chris Pratt sobre essa rivalidade

Durante conversa com um site para promover “Guardiões da Galáxia Vol. 2”, o ator Chris Pratt decidiu fazer uma pequena análise sobre os vilões da DC Comics. O alvo da vez foi “Esquadrão Suicida”. Confira:

“Uma falha é que eles tentaram apresentar muitos personagens ao mesmo tempo em Esquadrão Suicida. Eles gastam 10 minutos tentando nos dar alguma razão para nos importarmos com esses personagens em vez de criarem arcos para cada um deles e nos convencerem de que devemos nos importar”.

Basicamente, disse gostar dos filmes da concorrência, mas que também vê falhas na obra dirigida por David Ayer. O que faz sentido quando consideramos o filme dos vilões não fizeram muito sucesso – mesmo entre fãs – e que o Universo Marvel desenvolve mais os personagens, não só em cena, mas com filmes próprios nas franquias. Algo que o intérprete do personagem de “Senhor das Estrelas” fez questão de complementar:

“Eles não criaram os Vingadores primeiro. Eles fizeram Homem de Ferro, testaram, viram que funcionava. Então eles fizeram Homem de Ferro 2 e 3, então fizeram Capitão, e então fizeram Thor. Eles criaram uma sede por esses personagens e só então que eles os colocaram em Os Vingadores."

Marvel vs. DC: confira a opinião de Chris Pratt sobre essa rivalidade

O problema é que o comentário acirrou ainda mais a disputa pública entre os estúdios e espectadores. É que como em toda boa história de cinema – e em qualquer nicho -, sempre há uma grande rivalidade para as pessoas debaterem; é o caso de iOS e Android, fãs de Playstation ou Xbox, Coca-cola ou Pepsi. E as histórias em quadrinho não são uma exceção (assim como para os filmes que produzem).

Para todos que acompanham o caso, Marvel e a DC Comics estão competindo há um tempo para descobrir quem tem mais sucesso, entre o público, a crítica e a bilheteria. 

Sem entrar em muito juízo de valor, os estúdios da Marvel já parecem ter encontrado a fórmula de sucesso. Enquanto isso, a DC vem tentando acompanhar atrás.

No fim, acho que é mais como li por aí: isso é igual tentar comparar maçãs; algumas pessoas simplesmente gostam de maçãs vermelhas enquanto outras gostam de maçãs verdes. Há quem prove ambas. 

Mas a quem interessar, “Guardiões da Galáxia Vol. 2” estreia amanhã nos cinemas brasileiros. Abaixo, você pode assistir ao trailer:  

E vocês, de que lado estão nessa história? 

Hikayeyi okudun
Story cover
tarafından yazıldı
Writer avatar
julia.korte
Jornalista e geek de coração. Praticante de binge-watching. Vive a base de cafeína e boa música. Um crush eterno em cinema e seriados.