CURIOSIDADES

Suspeitando do seu date? Esse bar tem uma solução para você

Júlia Korte
Author
Júlia Korte

Bares criam “código secreto” para clientes que não estão seguras com rapazes durante encontro

Suspeitando do seu date? Esse bar tem uma solução para você

Praticamente todo mundo na vida adulta já esteve em um encontro com uma pessoa que não tem nada em comum (ou que sabe muito pouco quiçá nada). Pior ainda, com alguém que simplesmente parece não haver química nenhuma... É aquele momento constrangedor em que você pensa: "Por que saí de casa? Seria tão melhor assistir a Game of Thrones comendo uma pizza". 

Isso é o que já passou pela minha cabeça. Mas, independente do seu gosto, o fato é: quem nunca esteve em um date péssimo - mesmo que seja com um crush magia - que você não via a hora de terminar? 

Em tempos de Tinder, Happn e cia, mais ainda. A cada dia, crescem o número de usuários com histórias de sucesso (meu relacionamento é uma delas, mas esse conto fica para outro dia). E, na mesma medida, também crescem os contos de terror; seja porque a pessoa não parecia nada com as fotos ou personalidade via mensagem, seja porque era um típico caso de catfish (descrição ao final da matéria)

O fato é: no melhor dos cenários, você gastou a sua "brusinha" nova e perfume importado. Mas e quando o encontro gera uma sensação muito pior, algo que as mulheres (infelizmente) conhecem tão bem... A insegurança?  

Pensando justamente nisso, que um Hooters, na África do Sul, criou um código para as clientes que precisarem de ajuda. O aviso, que foi colocado no banheiro feminino, era o seguinte:   

Suspeitando do seu date? Esse bar tem uma solução para você

Em tradução livre, o texto diz: 

“Você está num encontro que não está indo muito bem? O seu pretendente do Tinder não era exatamente quem dizia no perfil? Você se sente insegura ou numa situação estranha? 

Nós estamos aqui para te ajudar. Vá ao bar e peça um Angel Shot.

Se você pedir o puro, o barman vai te acompanhar até o seu carro; se pedir com gelo, o garçom vai pedir um Uber ou um Lyft para você; se pedir com limão, vamos chamar a polícia.

Nós vamos lidar com as coisas discretamente, e sem muita confusão. Queremos que você saiba que está em boas mãos”.

O cartaz da foto, postado por Renaldo Gouws, foi compartilhado mais de 75 mil vezes por usuários do Facebook. Curiosamente, quando o caso se tornou viral, outros usuários passaram a compartilhar fotos de outros locais que fazem uso da medida, como o exemplo abaixo: 

Segundo tabloides britânicos, avisos semelhantes estão espalhados em bares no Reino Unido, orientando as mulheres a pedirem a bebida se precisarem. 

Com a repercussão, muitos usuários alegaram que qualquer um pode pedir o drink, independente da situação. Contestaram e reclamaram falando da inutilidade agora que está em todo canto. De secreto, o código não tem mais nada, verdade. Porém, o objetivo, que é evitar a violência sexual ou outros tipos de abuso, não é menos digno por isso. 

Como mulher, é sim muito bom saber que podemos ter ajuda e denunciar. Porque brincadeiras a parte, com tédio, nós sabemos lidar. Mas medo da violência sexual é assunto sério. E, por isso, aplaudimos iniciativas como essa. 

***Para quem não sabe, catfish é uma gíria designada para uma pessoa que possui um perfil falso nas redes sociais e mantém um relacionamento online com alguém que não sabe sua verdadeira identidade. Catfish também é o peixe bagre aqui no Brasil (fonte: MTV).