SORRISO NONSENSE
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
SORRISO NONSENSE
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
SORRISO NONSENSE
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

AREIA MOVEDIÇA

sou claustrofóbica.
acho que sempre fui.
não gosto de espaços fechados.
não suporto me sentir presa.
repudio ser cercada.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

sou viciada em liberdade.

irônica essa minha existência.
que obedece padrões.
se enclausura em normas.
se submete a autoridades.
só me restam minhas escolhas.

pra onde vou.
como vou.
escutando o que.
pensando em quem.

mas não.
até isso me tiraram.
estive adormecida por um tempo.
precisei de ajuda para respirar.
e sou grata eternamente ao auxílio que salvou minha vida.

mas hoje
acordei.
percebi que estava acorrentada.
enquanto estive ausente escolhas foram feitas por mim.

não sei para onde fui.
não sei como fui.
não sei o que escutei.
não sei em quem pensei.

hoje
acordei.
me deparei com as escolhas já feitas.
um outro se sentiu responsável.
me declarou incapaz.
me privou daquilo que mais prezo.

fui empurrada na areia movediça.
e agora só afundo.

sonâmbula demais para perceber.
já me encontro enterrada.
na altura da cintura.

me contorço.
me movimento.
me chacoalho.

é em vão.
a dor passa despercebida.
quanto mais eu luto.
mais me prendo.
a liberdade transborda de mim.
lenta e dolorosamente.

e eu em minha prisão particular.
esgotando meus dias.
aceito minha paradoxal existência.
aguardo ser puxada.
dessa areia movediça.

POEMINHA DO METRÔ

acabei meu livro.
enterrei mais personagens.
outra grande história fadada ao esquecimento.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

acabei meu livro.
agora só me resta olhar em volta.
sentir a musica.
incorporar o ambiente.

acabei meu livro.
encaro a parede do vagão a minha frente.
aproveito que posso enxergar.
e penso.

acabei meu livro.
novos personagens renascem.
mais grandes historiais fadadas a acontecer.
seus rumos, distintos.
porém convergentes.

acabei meu livro.
e pra fora do vidro.
(na estação sumaré)
lá ela está.
colada na estrutura.
apenas a sorrir.

comecei meu novo capítulo.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
juliasoicher
[insira aqui sua opinião já formada sobre mim]