PUBLICIDADE

Marca usa mulher de hijab para vender produto de cabelo - e o resultado é lindo

Autor

Quebra de padrões: está aí uma boa de se ver. Quando ela acontece na publicidade então, é realmente lindo. Dá uma esperança de que grandes marcas estejam assimilando cada vez mais que o mundo é feito de diferenças.

Marca usa mulher de hijab para vender produto de cabelo - e o resultado é lindo

(Imagem: Unsplash)

Nesse sentido, mais uma grande empresa marcou belos pontos. Num momento em que o mundo discute xenofobia, preconceito com refugiados e religiões, a L’Oreál lançou um comercial para um produto de cabelo com a Amena Khan, uma fashionista que usa hijab, o véu islâmico. Isso mesmo: uma das estrelas da campanha fala da importância de ter cabelos bonitos sem mostrar nem um fio. 

Ela não é a única no set. O vídeo traz várias mulheres – e um homem – com todo tipo de visual e cabelo. Mas a participação de Amena é bastante tocante e se destaca. Em seu Instagram, ela declarou estar orgulhosa de fazer parte da campanha.

Além de quebrar um padrão importante, o vídeo chamou atenção para mais um grupo que não é necessariamente representado pela publicidade ocidental, como a própria Amena disse em entrevista para a Vogue inglesa. É com campanhas como estas ou como o lançamento recente do hijab da Nike, o primeiro esportivo, que mulheres muçulmanas começam a entrar no radar de grandes empresas.

Vender produto para cabelo sem mostrar os fios é no mínimo um belo desafio. Mas outras marcas de beleza já quebraram padrões importantes em vários momentos.

A clássica é a Dove, que em diversos momentos colocou em sua publicidade mulheres com os mais variados corpos para mostrar como se sentiam confortáveis neles e, assim, vendeu produtos de pele.

Outro conceito que permeia o marketing da Dove é colocar mulheres reais contando histórias de suas vidas e de seus corpos, destacando muito mais elas do que os próprios produtos.

Já a Avon, em 2016, colocou um monte de gente para dançar e dizer: maquiagem é pra todxs. Para lançar um BB Cream, a marca usou mulheres e homens muito bem maquiados no vídeo.

Em outro caso recente, a americana Laverne Cox não foi só a cara, mas deu nome a uma coleção inteira de esmaltes. A atriz transexual que interpreta Sophia Burset em Orange Is The New Black lacrou em parceria com a Orly.

Ficamos na torcida por mais quebras de padrão!

#beleza #marcas #publicidade #marketing