OUTROS

Você conhece o "zíper de rua"? Pois bem: ele salva vidas

Luis Felipe dos Santos
Author
Luis Felipe dos Santos
Você conhece o "zíper de rua"? Pois bem: ele salva vidas

Por 45 anos, a ponte Golden Gate, em San Francisco, foi uma via normal de duas mãos. Quer dizer: normal para quem estava acostumado com as rodovias americanas. Sem barreiras entre as linhas e com a pista central mudando de direção conforme o tráfego.

Por isso, a pista central era chamada de “suicide lane”, ou “pista suicida”: foram 128 choques entre carros frente a frente, entre 1970 e 2001. 16 pessoas morreram nesses acidentes. Quando a ponte foi reaberta, em 2015, a “pista suicida” era motivo de grande preocupação das autoridades do tráfego, pois tão importante quanto conter os acidentes era que a variação da pista central acontecesse, para que ninguém ficasse trancado no caminho entre San Francisco e Sausalito.

Então, o Estado resolveu comprar, por 30 milhões de dólares, um “zíper de rua”. É, isso mesmo.

O vídeo, da Business Insider, mostra melhor o que é.

A máquina é da Lindsay Transportation Solutions. Ela coloca uma barreira de aço e concreto móvel sobre a pista, a 6,11 quilômetros por hora. Pode ser utilizada inclusive quando o tráfego está intenso. As linhas azuis na pista demarcam onde as partes da barreira devem ser colocadas ou retiradas. Ao todo, são 1,5 mil partes, ocupando 3,5 km. 

"30 milhões de dólares? Se salva vidas, é barato", disse Frank Armas, ciclista que frequenta a Golden Gate, ao jornal San Francisco Chronicle.

Até a instalação do "road zipper", nenhum acidente frontal aconteceu.

Mais sobre ele: