Essa moda surgiu quando?
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Essa moda surgiu quando?
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Essa moda surgiu quando?
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

EM ALGUM MOMENTO DE NOSSAS VIDAS, TIVEMOS UM DESSES.

GuiadeEstilo
há um ano2 visualizações

Já falamos aqui o quanto os tênis voltaram com tudo nas tendências desse ano (principalmente os brancos) E ÓBVIO, QUE NÓS AMAMOS <3.  Essa vibe noventista está resgatando aqueles raros modelos que resistiram ao teste do tempo e voltaram com tudo para o mundo fashion.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

#fashionices #shoes #adidas #adidassuperstar #allstar #essamodasurgiuquando #myadidas #allstarchucktaylor

BUT, vocês já pararam para pensar de onde vieram aqueles nossos queridinhos como o ALL★STAR e ADIDAS SUPERSTAR? NÃO? ÓTIMO, então vamos contar para vocês!

 -ALL★STAR (resumão pra vida!)

O nosso primeiro amado é o ALL★STAR, que começou em 1908, em Maldens uma cidade norte-americana de Massachusetts. Marquis Mills Converse abriu a "Converse Rubber Show Company" empresa que fazia apenas calçados de borracha, que em 3 anos depois meados de 1910 ele já produzia 4 mil pares de sapatos por dia. Menine era bombado migos!

EM ALGUM MOMENTO DE NOSSAS VIDAS, TIVEMOS UM DESSES.

 Lá por 1917 a empresa lançou uma linha de calçados esportivos feitos de lona e sola de borracha. Com a sola grossa e a biqueira de borracha ele revolucionou o basquete, um esporte que se tornava cada vez mais popular entre os americanos, criando assim o mundialmente famoso CONVERSE ALL★STAR. Apaixonado por tênis esportivos, o jogador de basquete Charles "Chuck" Taylor juntou-se à empresa em 1921 e sugeriu duas mudanças fundamentais no design do All Star: reforço no calcanhar, para melhorar o apoio do jogador, e fissuras no solado, para diminuir a derrapagem nas quadras. Chuck foi recrutado para representar e vender o modelo, sua missão era rodar pelo país e convencer técnicos e jogadores a usar o All Star preto de cano alto assinado por ele. Em 1923 foi lançado o CONVERSE ALL★STAR com a assinatura de Chuck, foi um sucesso instantâneo, sendo o único tênis usado por todos os jogadores de basquete, quer seja profissional ou universitário.

EM ALGUM MOMENTO DE NOSSAS VIDAS, TIVEMOS UM DESSES.

Durante a Segunda Guerra Mundial, a Converse modificou sua linha de produção e criou a bota "A6 Flying" para atender aos pés dos soldados americanos no front.  Em 1966, é lançado o modelo cano baixo do All Star, conhecido como "All Star Oxford" (que todo mundo ama, desenhou, riscou e usava beeem podre). Já soberano entre os jogadores de basquete, em 1966 o tênis passa a ser produzido em mais cores, para combinar com as camisas dos times. Até então, o produto só era produzido em preto e branco.

Um ícone da Moda, o nosso querido tênis foi utilizado por personalidades como o ator James Deam a princesa Diana (sim a princesa sabia das coisas) e eternizado pelo roqueiro Kurt Cobain, que sempre tinha um par surrado nos pés! Falando em rock, o All Star está presente na música desde a década de 60 quando George Harrison usou um par do tênis na cor preta no último show dos Beatles, em 1969; os pés punks dos Ramones e Sex Pistols viviam enfurnados em All Stars, assim como os do vocalista do Joy Division, Ian Curtis. Recentemente estava nos pés dos meninos do Strokes e da Avril Lavigne e dos adolescentes pelo mundo.

EM ALGUM MOMENTO DE NOSSAS VIDAS, TIVEMOS UM DESSES.

- ADIDAS SUPERSTAR (resumão pra vida!)

A origem da marca é de 1920 quando Adolph Dassler, iniciou o seu negócio na cidade alemã Herzogenaurach, localizada no coração da Francônia, ao norte de Nuremberg, ele produzia calçados esportivos e militares. O trabalho totalmente manual encontrava dificuldades na época do pós-guerra, Adolph trabalhava sem maquinário e eletricidade, desenvolvendo calçados esportivos duráveis para proteger os atletas de lesões. Em 1924 seu irmão Rudolf se juntou ao negócio foi então que os irmãos fundaram no dia 1 de julho a “Gebrüder Dassler Schuhfabrik” (em alemão, Fábrica de Calçados Esportivos dos Irmãos Dassler). Em 1925, Dassler obteve suas primeiras patentes: uma para um calçado de corridas, e outra para uma chuteira de futebol com travas. O sucesso dos modelos foi tanto que logo foi desenvolvido novos calçados esportivos. Em 1927 os irmãos alugaram suas primeiras instalações e rapidamente a produção subiu para 100 pares de calçados por dia.

EM ALGUM MOMENTO DE NOSSAS VIDAS, TIVEMOS UM DESSES.

Inicia a segunda Guerra e Adolf Hitler  manda confiscar a fábrica dos dois irmãos que encontraram muitas dificuldades para manter o negócio em funcionamento, a partir daí foi só tiro, porrada e bomba eles se separaram, Rudi (apelido carinhoso) fundou a PUMA e Adi (também apelido carinhoso) fundou ADIDAS juntando a combinação do apelido com o nome. HAZÔ MIGO!  A gente nem precisa dizer que a família se tornou inimiga né?

Maaas a história do Superstar começa em 1969. Com o mesmo enfoque do All-Star o público alvo eram os jogadores de basquete, que os testaram nas quadras em uma primeira fase e um ano depois, 1970 chegavam as lojas. No entanto, não foi nas quadras de basquete que eles adquiriram o status símbolo pop. E sim, no Hip Hop, com um grupo dos anos 80 o Run DMC eles foram essenciais para expor a marca à novos públicos. Eles também escreveram uma música para a marca "My Adidas"

Esta canção, obviamente, gerou um contrato milionário com a marca e também um baphão básico, porque os rappers foram acusados de ter se vendido ( mal sabiam eles que estavam lançando uma tendência de marketing ;) ) Mas no início da década de 90, as principais estrelas do panorama hip-hop começaram a trocar a marca da três riscas por outras, como a Nike e a Reebok. Os Beastie Boys foram então um dos grupos que recuperou este modelo, tornando-o popular junto das novas gerações. Algum tempo depois, músicos e bandas ligados ao rock mais pesado também aderiram ao tênis. BUT,  ele deu a volta por cima e hoje  retorna ao mundo fashion e é usado por diversos ícones da moda, da música e do cinema, e é claro por você que o amou incondicionalmente na adolescência assim como EU <3

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

GuiadeEstilo
há um ano3 visualizações

Vamos falar sobre um sapato báaaaasico, jovem (aham muito) e cheio de estilo.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

A sua primeira aparição é na Escócia e na Irlanda, onde eles são chamados de Balmoras (por causa da rainha do castelo de Balmora, na Escócia). O oxford se torna popular em 1800, de acordo com Douglas Gorsline (o autor de "What People Wore") foi enquanto as tendências se tornavam mais práticas do que ornamentais. 

O sapato fechado, de amarrar, clássico e originalmente masculino, virou febre entre os estudantes da renomada Universidade de Oxford na Inglaterra, no século 17. Ele durdante muito tempo, foi associado ao conservadorismo e ao tradicionalismo sendo usado apenas com uniformes.

Um sapato que levava tanto o gênero masculino, invadiu o mundo feminino, isso foi no final do século XIX. 

Ele começa a ser usado por mulheres em uma versão com salto mais grosso e quadrado. Mulheres vanguardistas como: Amelia Earhart defensora dos direitos das mulheres e pioneira na aviação dos Estados Unidos e Marlene Dietrich atriz e cantora alemã que os tornaram famosos.

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

Ele possui algumas características básicas e é delas que vamos falar um pouco.

O corpo do sapato é desenvolvido para se parecer com uma peça perfeita de couro, com outro pedaço que forma a biqueira. As suas variações em estilos na sua maioria são ornamentais.

Estilos

Sapatos balmoral são os oxford clássicos, sem costura. 

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

Oxford Wingtip possui biqueiras em forma de "W" que ficam em volta do dedão do pé, dando a aparência de um pássaro abrindo suas asas.

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

 Oxford Saddle como possuindo um pedaço de couro na forma de uma sela que é costurada ao longo do pé.

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

 O oxford Kiltie tem uma língua com couro franjado, que é dobrada para baixo sobre os laços depois de serem amarrados.

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

Embora eles tenham surgido como sapatos práticos, com linhas limpas, o design deles passou a se voltar para a ornamentação leve, principalmente na forma de costuras chamativas e pequenos recortes decorativos perto das costuras. Durante muito tempo o sapato foi exclusivamente masculino, mas as apaixonadas pelo oxford estão aí para comprovar totalmente o contrário. Hoje ele já é produzido em diferentes tamanhos e com uma ornamentação única, saltos mais altos diferentes cores. Eles já fazem parte do nosso guarda roupa e são os queridinhos de muita fashionista por aí <3

A HISTÓRIA DO CLÁSSICO QUE NUNCA SAI DA MODA <3

#trend #love #shoes #storiafashion #oxfordlove #oxford #fashionices

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por