CIDADES

Caminhões autônomos já estão fazendo entregas nos EUA

Autor

A startup Embark colocou uma frota de veículos sem motorista para carregar geladeiras pelas estradas do Texas e da Califórnia

Caminhões autônomos já estão fazendo entregas nos EUA

(Foto: Divulgação/Embark)

Se você estiver dirigindo pelas estradas entre El Paso, no Texas, e Palm Springs, na Califórnia, não se assuste caso veja um caminhão em alta velocidade e sem motorista. É que a startup Embark acaba de colocar uma frota autônoma para rodar no trecho de pouco mais de mil quilômetros, carregando geladeiras da marca Frigidaire.

Esse é o primeiro contrato da companhia, que pretende usar a experiência para melhorar sua própria logística e sair fazendo entregas em todo o território americano, sem que ninguém precise ficar atrás do volante. As viagens entre o galpão da fabricante de eletrodomésticos e seu centro de distribuição são apenas o começo.

Por enquanto, um ser humano habilitado para dirigir ainda acompanha os caminhões, garantindo a segurança. Ele assume o volante nas zonas metropolitanas, tanto na saída de El Paso quanto na chegada à cidade da Califórnia, pois a concentração de pessoas e a confusão do trânsito ainda não permitem uma viagem 100% não-tripulada. De qualquer forma, os veículos já têm rodado desde o início de outubro, sem incidentes, sempre mantendo-se na faixa da direita, dentro do limite de velocidade.

A Embark acredita que as estradas, e não as cidades, são o caminho mais fácil para colocar uma frota autônoma em circulação. Justamente porque as metrópoles têm um número grande de variáveis no trânsito (pessoas andando, bicicletas, cachorros passeando e o que mais você puder imaginar). Já nas estradas, os cálculos realizados por um veículo sem motorista são mais simples: nas boas vias americanas, eles precisam apenas andar em linha reta e manter uma distância segura para o carro da frente.

Essa empresa passou os últimos seis meses convencendo autoridades de que a operação era segura e preenchendo papeis, até que conseguiu a liberação e colocou os veículos na estrada. A startup saiu na frente, mas todos os gigantes estão vindo atrás: Google, Tesla, Volvo e Daimler já estão trabalhando em seus próprios caminhões autônomos. Quando será que os caminhos esburacados e cheios de curvas no Brasil vão estar prontos para receber a novidade?