COMPORTAMENTO

Vídeo mostra como o machismo afeta até os bebês

Micheli Nunes
Author
Micheli Nunes
Vídeo mostra como o machismo afeta até os bebês

Imagem: REPRODUÇÃO/BBC

Você já parou para pensar em quando o machismo começa a afetar a nossa vida? A resposta é assustadora. No momento em que os pais revelam o sexo da criança, ainda na gravidez, as pessoas já começam a mudar o comportamento em relação a essa nova vida. E no instante em que o bebê nasce, ele é tratado de maneira bem diferente se é menino ou se é menina. Um vídeo produzido pela BBC mostra claramente isso. 

No experimento, um menino e uma menina têm suas roupas trocadas. O Edward virou "Sophie" e a Marnie virou "Oliver". Os dois então são colocados em uma sala cheia de brinquedos de todos os tipos. Então, alguns adultos que não sabiam da "troca de gênero" são instruídos a brincar com eles. 

Os adultos que brincaram com "Sophie" ficam paradinhos, usam um tom de voz musical e suave e oferecem bonecas e ursinhos. Já os adultos que são designados para brincar com "Oliver" escolhem brinquedos muito mais interativos, como blocos de montar e bicicleta. Eles também são fisicamente mais ativos, levantando a criança e movendo-a pela sala. 

A matéria afirma que quando uma criança interage com brinquedos que desenvolvem noção espacial, seus cérebros mudam em três meses. Isso tem um impacto gigantesco no desenvolvimento cognitivo delas e coloca meninos em "vantagem", pois facilita a relação deles com problemas lógicos e ciências exatas.

 

Vídeo mostra como o machismo afeta até os bebês

Quando os repórteres revelam o verdadeiro sexo da criança, os adultos ficam surpresos e até decepcionados com eles mesmos. "Eu achei que tinha a cabeça mais aberta", diz uma participante. "Achei que estava apenas escolhendo os brinquedos que estavam ao alcance, mas meu subconsciente me pregou uma peça", afirma outra.

Talvez seja a hora de tratar crianças de maneira mais igualitária.

Veja o vídeo completo, com legendas em português, aqui: