GAME OF THRONES

'Game of Thrones': Não, Tyrion não estava com ciúmes da Daenerys

Autor
'Game of Thrones': Não, Tyrion não estava com ciúmes da Daenerys

Imagem: Reprodução/HBO

ATENÇÃO: SPOILERS DA SÉTIMA TEMPORADA DE 'GAME OF THRONES'

Muita gente ficou confusa com a última cena da sétima temporada de "Game of Thrones". Jon Snow (cujo nome real é Aegon Targaryen, como acabamos de descobrir) entra nos aposentos de Daenerys Targaryen, no navio em que seguiam para o norte, e os dois fazem sexo à luz de velas. E o que deixou muita gente com a pulga atrás da orelha foi a cara que Tyrion Lannister fez ao testemunhar o encontro escondido do casal Targaryen.

'Game of Thrones': Não, Tyrion não estava com ciúmes da Daenerys

O Mão da Rainha parece não ter gostado nada da possibilidade de Dany e Jon se envolverem romanticamente, e muitos fãs já partiram para conclusões precipitadas, afirmando que Tyrion estaria apaixonado por Daenerys, e por isso teria ficado com ciúmes. A teoria ganhou força, pois Cersei havia dito que Daenerys "fazia o tipo" do irmão, descrevendo-a grosseiramente como "uma puta estrangeira que não sabe seu lugar". Mas não foi bem isso o que aconteceu de verdade. 

Peter Dinklage, o ator que interpreta Tyrion, explicou os conflitos internos do personagem em uma entrevista nos bastidores do episódio. "Aquilo foi perigoso para todos os envolvidos. Tenho certeza de que foi bom para os dois naquele momento, mas não dá para ficar tranquilo pensando na beleza do encontro", explicou ele. "Não é nada bom! Deveria ser, mas não é. Isso é Game of Thrones, e existe um longo histórico de romances que não acabaram bem".

Fica claro que a preocupação de Tyrion é com o futuro do reinado de Daenerys em meio à guerra com os Caminhantes Brancos. Todos eles haviam acabado de sair de uma reunião com Cersei e Euron Greyjoy, para negociar uma trégua, e foi justamente a lealdade de Jon à Daenerys que quase destruiu a possibilidade do acordo. É bom lembrar também que no episódio anterior Daenerys colocou a si e aos seus dragões em perigo indo resgatar Jon. Ou seja, um envolvimento amoroso pode fazer com que eles tomem ainda mais decisões precipitadas, colocando a vida de todos em risco.

Dinklage também tem razão ao lembrar o histórico da série quando se trata de romance é bastante sombrio. O único "casal" que ainda está unido e relativamente feliz é Sam e Gilly, e ainda assim é uma receita para o fracasso, pois Sam não pode se casar, sendo um membro da Patrulha da Noite. Ambos Daenerys e Jon Snow já perderam seus amados tragicamente. Será que o casal de Gelo e Fogo tem alguma chance de ser feliz para sempre?