Dolce Vita
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Dolce Vita
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Dolce Vita
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

3 truques psicológicos que restaurantes aplicam em você

Tapa Da Pantera
há 5 meses1.0k visualizações

A maioria de nós nunca parou para pensar nisso, mas projetar, construir e decorar um restaurante exige muito mais do que mesas e talheres bonitinhos e peças curiosas penduradas nas paredes. E designers de restaurantes - sim, existem pessoas especializadas nisso - pensam em cada mínimo detalhe, inclusive alguns que são pensados estrategicamente para afetar o comportamento do consumidor. Quer ver?

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

1. Iluminação

3 truques psicológicos que restaurantes aplicam em você

A luz deve ser suave e fazer os clientes se sentirem bem. Quem vai a um restaurante, afinal, quer se sentir confortável e relaxado. O segredo é usar uma luz ambiente mais baixa (com luminárias “penduradas”) e suave que complemente a luz do teto. Também é importante que essa iluminação funcione como complemento também da luz do dia. A grande intenção por trás disso é fazer o cliente continuar no restaurante por longos períodos de tempo - assim, ele continua pedindo comidas e/ou bebidas.

2. Nível de conforto dos móveis

3 truques psicológicos que restaurantes aplicam em você

Este item varia de acordo com a classe do restaurante. Se é uma casa ais formal, cadeiras e mesas devem ser pensadas de modo a deixar o cliente bastante confortável. Restaurantes formais, afinal, servem jantares mais longos e mais caros - e bebidas muito mais caras também. Mas se você já foi a algum daqueles restaurantes que fazem o chamado casual dining (pense em Outback, Applebee’s, Red Lobster, etc.) já percebeu que os assentos não são tão confortáveis assim, certo? É porque esse tipo de restaurante ganha mais na quantidade. Logo, tudo é feito para você não continuar sentado tempo demais depois do fim da refeição.

3. Cores

3 truques psicológicos que restaurantes aplicam em você

A cor - das paredes, das mesas, do chão, do teto e de tudo mais - afeta o comportamento do cliente. É por isso que você não vai encontrar restaurantes com cores “quentes” demais (já viu algum lugar com tudo pintado de vermelho?). E se você acha que aquele restaurante mexicano é todo colorido por causa do “tema”, não é bem assim. Normalmente, as misturas de verde, vermelho, amarelo e azul fortes tentam criar um ambiente descontraído, para você comemorar com amigos mesmo. E aposto que aquelas tequilas a mais fazem você achar a decoração uma graça, né?

Vodca que não causa ressaca? Sim, ela existe!

Tapa Da Pantera
há 5 meses566 visualizações

Uma vodca que não te deixa com ressaca na manhã seguinte? E que até melhora a memória das pessoas? Não pode ser verdade, né? Bem, segundo uma empresa sul-coreana, esse sonho já virou verdade.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Vodca que não causa ressaca? Sim, ela existe!

A tal vodca é produzida na cidade de Daejeon e se chama O2 Lin, e os fabricantes a anunciam quase como se ela fosse uma daquela vitaminas cheias de coisas que fazem bem para o corpo. A relação de O2 com o nome é porque ela supostamente seria um “coquetel de oxigênio”.

A diferença dela para as vodcas comuns é que ela possui oxigênio saturado em sua composição. Isso quer dizer que, segundo os fabricantes, ela aumenta a atividade mental, refresca, proporciona energia e deixa até o consumidor com um aspecto físico mais atraente.

Além, claro, de não provocar ressaca, apesar do teor alcoólico de17,8%. Ah, sim: dizem que quem fica bêbado com a O2 Lin recupera sua sobriedade mais rápido.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
pilarmag
Escritora, psicóloga de parentes e amigos, experimentada na cozinha e na Comunicação, já pipocou na chapa quente de grandes jornais e empresas, mãe de cachorro, esposa prendada e tirana, mulher sensível e chorona, teóloga meia boca, fã de Neil Degrasse Tyson. Namastê! Prazer em te conhecer.