Dolce Vita
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Dolce Vita
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Dolce Vita
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Holanda tem bar especializado em curar ressaca, e só bêbado pode entrar

Tapa Da Pantera
há um ano3 visualizações
Holanda tem bar especializado em curar ressaca, e só bêbado pode entrar
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Todo mundo que já passou uma noite bebendo um pouco mais do que o normal tem uma receita caseira pra curar ressaca. Não funciona com todo mundo, mas a galera tenta assim mesmo. 

Só que agora, como em tudo na vida, tem gente especializada nisso. O Hangover Bar, em Amsterdã, promete curar ressaca e tem controle rígido na porta: só entra quem estiver realmente mamado.

Para entrar no Hangover, que só abre aos fins de semana, você precisa passar no teste do bafômetro, só que o medidor deles é um pouco diferente daquelas da Lei Seca do Rio de Janeiro. 

Em Amsterdã, quem não bebeu fica fora. E quem entrou não bebe mais, já que o “cardápio” só tem smoothies sem-álcool e água sem gás.

Uma vez lá dentro, o beberrão se depara com uma espécie de oásis: colchões, plantas, palmeiras, bebidas não-alcoólicas, vitaminas e até tubos de oxigênio. 

Também tem um cardápio de comidas que chegam via delivery incluindo pizzas e sushi que os clientes podem comer deitados na cama. Mas quem quiser também pode ver um filme, bater papo e se divertir. 

Holanda tem bar especializado em curar ressaca, e só bêbado pode entrar

E, na hora de ir embora, é preciso chamar um dos funcionários do local. Eles precisam se certificar que você não corre risco de andar torto ou caindo pelas ruas da cidade.

5 por US$ 56: as chips mais caras do mundo estão na Suécia

Tapa Da Pantera
há um ano1 visualizações

Quanto você paga por uma latinha de chips da Pringles? Uns R$ 15? Ou R$ 20, talvez? E aposto que você não acha isso baratinho, né? Pois a importada que está em vários mercados brasileiros não está nem perto de ser a mais cara do planeta. Essa “honra” é dos suecos. Lá, uma caixinha especial com cinco chips (são cinco unidades mesmo) pode custar US$ 56. Sim, você leu direito: CINQUENTA E SEIS DÓLARES. 

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
5 por US$ 56: as chips mais caras do mundo estão na Suécia

O mais curioso é que o fabricante dessas chips superinflacionadas é uma… cervejaria! Sim, a cervejaria artesanal St. Erik’s se considera uma das melhore da Suécia e raciocinou da seguinte maneira: eles acham que sua cerveja é de primeira classe e, por isso, precisa de um aperitivo de primeira classe para acompanhá-la. Eis, então, as St. Erik’s Chips. 

5 por US$ 56: as chips mais caras do mundo estão na Suécia

O preço soa exagerado, mas o mesmo vale para a lista de ingredientes das “chips mais exclusivas do mundo”. Elas são feitas com matsutake (um tipo de cogumelo colhido nas florestas de pinheiros do norte da Suécia), alga marinha trufada (uma alga colhida nas águas ao redor das Ilhas Faroe que tem sabor de trufa), crown dill (uma erva colhida na Península Bjare, no sul da Suécia), cebola Leksand (variedade que cresce nos arredores da cidade de Leksand), e batatas Ammarnas (uma espécie que existe apenas na cidade sueca de Ammarnas).

5 por US$ 56: as chips mais caras do mundo estão na Suécia

Ah, sim. Tem mais um ingrediente: mosto de cerveja, o que já era de se esperar vindo de uma empresa que vive da bebida. Mosto é um líquido doce que vem do malte de cevada. No caso específico dessas chips, o mosto vem de uma cerveja tipo India Pale Ale e é usado congelado para dar um toque adocicado às chips. 

5 por US$ 56: as chips mais caras do mundo estão na Suécia

E aí, já começou a achar que as CINCO chips valem US$ 56? 

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
pilarmag
Escritora, psicóloga de parentes e amigos, experimentada na cozinha e na Comunicação, já pipocou na chapa quente de grandes jornais e empresas, mãe de cachorro, esposa prendada e tirana, mulher sensível e chorona, teóloga meia boca, fã de Neil Degrasse Tyson. Namastê! Prazer em te conhecer.