Fenomenal
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Fenomenal
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Fenomenal
ic-spinner
У каждого есть своя история
Находите лучшие истории и интересных людей. Вдохновляйтесь ими и начинайте писать самостоятельно либо вместе с друзьями.

Em apenas meia hora, iremos da Terra para Marte

Em apenas meia hora, iremos da Terra para Marte
Рассказывайте о том, что вы любите, вместе с друзьями
Стать соавтором ▸

Os olhos da comunidade científica astronômica estão todos voltados para Marte. Com a intenção de explorar os minérios do planeta vermelho daqui a algumas décadas e colonizar (literalmente) o novo mundo, a agência espacial americana está desenvolvendo técnicas de viagens mais rápidas da Terra para Marte, para levarem apenas meia hora. Gente! Meia hora é o tempo que a gente gasta numa fila de banco! Isso significa que o homem vai a Marte, mas não melhora as coisas cá embaixo.

É ou não é?!

Atualmente, um pulinho a Marte dura de seis a oito meses. A nova técnica, chamada de propulsão de energia direcionada, consiste em disparar um laser de alta potência - entre 50 e 100 gigawatts - em uma espaçonave e, com isso, acelerá-la a uma fração significativa da velocidade da luz, cerca de 30%. Ou seja, com um bobardeio à nave, eles lançam o foguete para... bem longe.

O plano é usar essa técnica para explorar planetas fora do sistema solar (exoplaneta), que podem abrigar vida e que estejam em um raio de 25 anos-luz.

Também seria possível visitar a Alpha Centauri, que é a terceira estrela mais brilhante no céu vista a olho nu e está a pouco mais de quatro anos-luz de distância do Sol. Nesse caso, a viagem levaria 15 anos. Mas quando chegarmos a esse nível, o que seria 15 anos para quem passou a viver 120, né?!

A Nasa ainda não tem projetos em andamento para utilizar esse tipo de propulsão na exploração espacial - apesar de existirem algumas propostas.

Eu acho essas notícias do Espaço incríveis. Ainda que tenhamos muita dificuldade de nos enxergar como uma única raça na Terra, é realmente interessante a ideia de formarmos uma nação cósmica. Uma utopia mesmo! Um sonho de que indo para outro planeta nós consigamos nos enxergar na nossa Terra como uma família só, de seres terrenos. E espero que ambição da agência espacial americana Nasa, hoje formada e comandada por cientistas e não políticos (uma autarquia), abrace esse ideal supremo da ciência ante a supremacia de uma única nação. Ao menos, na exploração do Espaço, isso vem acontecendo, com muita cooperação entre os países (inclusive pelo Brasil, muito timidamente). Mais ou menos como foi a colonização da África pela Europa, mas em território carnalmente não habitado.

#nasa #espaçosideral #viagemespacial #ciência #tecnologia

Russo e americano voltam à Terra depois de quase um ano juntos no Espaço

Russo e americano voltam à Terra depois de quase um ano juntos no Espaço
Рассказывайте о том, что вы любите, вместе с друзьями
Стать соавтором ▸

Foram 340 dias a 400 quilômetros de distância que consideramos Terra. O americano Scott Kelly e o russo Mikhail Kornienko finalmente desembarcaram nesta terça (01/03/16) na estação de lançamento espacial do Cazaquistão depois de quase um ano juntos, sobrevivendo a uma missão de resistência na Estação Espacial Internacional (ISS), em órbita desde 1998. O objetivo da missão, que começou em março do ano passado, é o treinamento de astronautas para missões a Marte, previstas para as décadas de 2020/2030.

E imaginar que a Guerra Fria com a corrida espacial foi há meras duas décadas e meia, né?!

Russo e americano voltam à Terra depois de quase um ano juntos no Espaço

Foram 3h30 de descida até o chão. Rápido, né?! A cápsula pousou no Cazaquistão às 23:26 quarta-feira. De lá, Scott vai viajar hoje até Houston, no Texas (Estados Unidos), onde será recebido com toda festa pelo pessoal da agência espacial americana, Nasa, a família (incluindo o irmão gêmeo astronauta, Mark) e o próprio vice-presidente americano Jill Biden.

Depois de tanto tempo fazendo esse “intercâmbio” espacial, infelizmente Scott não irá descansar com a família. Com o retorno dele vem uma bateria de testes e exames a serem feitos pelos cientistas: irão perscrutar cada aspecto da saúde do astronauta para ver se o corpo humano aguenta bem uma estadia como essa fora do Planeta (e, eu acho, para ver também se o cara voltou de lá com alguma pereba espacial). O irmão gêmeo também vai se submeter aos testes. Entenderam agora o motivo da escolha de Scott Kelly? Esse pessoal não é bobo, não!

Scott vai dar uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira (04/03/16), às 14h (horário de Huoston) para contar um resumo da experiência. Quem quiser acompanhar e até participar, a Nasa vai responder às perguntas no Reddit, rede social que compila assuntos #trends (mais quentes) na internet, a partir das 11h, no horário do Oeste americano, e depois abrir para a imprensa, às 13h.

Se você não acompanhou o ano do Scott, dá só uma espiada no Instagram do cara. É cada imagem incrível que ele documentou do Espaço.

Não foi a primeira vez que ele deu uma volta na órbita da Terra. Na verdade, foram três delas. Se fosse combinar todo o tempo que ele passou no Espaço na vida, daria um total de 540 dias flutuando em volta do nosso planeta. E o cara ainda disse para o povo da Nasa, quando chegou, que poderia ficar mais um ano lá fora, de boa. E pior que a galera da agência espacial americana concordou! Kelly chegou aqui super bem.

Aliás, parece que o camarada americano curtiu muito a temporada no Espaço. Foi ele que se vestiu de gorila para perseguir o colega Tim Peake (que ainda vive na ISS, já há seis meses).

Ou da vez que ele colou essa foto do lado de fora da ISS!

E ficando de boas com os chineses!

Sejam bem-vindos de volta, Scott e Mikhail!

#espaçosideral #astronauta #scottkelly #mikhailkorniyenko #nasa #missãoespacial #iss

Вы прочитали историю
Story cover
написанную
Writer avatar
pilarmag
Escritora, psicóloga de parentes e amigos, experimentada na cozinha e na Comunicação, já pipocou na chapa quente de grandes jornais e empresas, mãe de cachorro, esposa prendada e tirana, mulher sensível e chorona, teóloga meia boca, fã de Neil Degrasse Tyson. Namastê! Prazer em te conhecer.