Gente
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Gente
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Gente
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Esse casal trocou 11 mensagens em 3 anos, e o Tinder bancou encontro no Havaí

Tapa Da Pantera
há 3 meses1.0k visualizações

Michelle Arendas e Josh Avsec deram match no Tinder três anos atrás. O problema é que a conversa não foi pra frente. De setembro de 2014 a 2017, eles trocaram 11 mensagens. Só isso. Cada resposta vinha meses depois. Como essa história terminou? Com o Tinder pagando uma viagem para o casal se conhecer no Havaí!

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Esse casal trocou 11 mensagens em 3 anos, e o Tinder bancou encontro no Havaí

Mas como isso aconteceu? Josh, de 22 anos, decidiu postar no Twitter suas mensagens com Michelle. Ele não tinha grandes intenções. Apenas mostrar aos amigos um bate-papo curioso. “Um dia vou conhecer essa garota e vai ser épico. Olhem as datas no nossas mensagens no Tinder”, ele escreveu.

As imagens mostram o match em 20 de setembro de 2014, e a última mensagem enviada 7 de julho de 2017. Era só para os amigos verem, mas um deu RT, outro também, e quando Josh percebeu, seu tweet viralizou, passando de 28 mil RTs e 89 mil curtidas.

Com tanta repercussão, era óbvio que o povo do Tinder iria notar. E o pessoal de lá resolveu dar um empurrãozinho para os dois se conhecerem. “É hora de vocês se conhecerem na vida real. Vocês têm 24 horas para decidir a cidade onde querem ter seu primeiro encontro e vamos mandar vocês pra lá!”, publicou a conta oficial do Tinder no Twitter.

O casal escolheu o Havaí, o Tinder pagou tudo, e os dois vão finalmente se encontrar. Depois de três anos. Quem disse a internet não ajuda ninguém a realizar seus sonhos?

Essa pesquisa mostrou a idade em que você está velho demais para ir nas baladas

Tapa Da Pantera
há 3 meses2.2k visualizações

Se você vai se aproximando dos 30 ou já entrou na terceira década de vida, é hora de começar a pensar nisso: até quando você vai frequentar baladas sem ser chamado de tiozão? E qual é o momento de abandonar de vez essa vida noturna? Essa pesquisa encomendada pela rede de lojas Currys PC World oferece respostas interessantes.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Essa pesquisa mostrou a idade em que você está velho demais para ir nas baladas

A idade em que você deve deixar de frequentar boates: 37. Sim, segundo o estudo, é com essa idade que as pessoas começam a serem vistas pelos outros como velhas demais para estarem em baladas. Ainda segundo a pesquisa, 31 é idade em que a maioria das pessoas começa a preferir ficar em casa a sair para noitadas.

O estudo também apontou os motivos mais comuns que fazem as pessoas desistirem de ir a boates: 60% dos entrevistados (todos britânicos) mencionaram os altos preços enquanto 29% citaram a ressaca do dia seguinte. Também foram listados o trabalho para se vestir e produzir (22%) e o problema para conseguir uma babá (12%).

Essa pesquisa mostrou a idade em que você está velho demais para ir nas baladas

A pesquisa incluía perguntas específicas para mulheres. Entre as respostas, 13% disseram que salto alto incomoda demais, 46% afirmaram que nada é melhor do que vestir roupas confortáveis e ficar em casa à noite, e 44% declararam que gostam de relaxar no sofá durante horas.

Além disso, 37% dos entrevistados (homens e mulheres) responderam que não há nada mais triste do que ver adultos de 40 e 50 anos cercados por moleques de 20 e poucos em pubs e bares. 

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
pilarmag
Escritora, psicóloga de parentes e amigos, experimentada na cozinha e na Comunicação, já pipocou na chapa quente de grandes jornais e empresas, mãe de cachorro, esposa prendada e tirana, mulher sensível e chorona, teóloga meia boca, fã de Neil Degrasse Tyson. Namastê! Prazer em te conhecer.