Gente
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Gente
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Gente
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Xangai agora tem 'depósito de maridos' para mulheres que vão às compras

Tapa Da Pantera
há 3 meses1.1k visualizações

A esposa quer sair e fazer compras, mas o marido quer ficar em casa. O cenário ainda é uma situação comum na China, então um shopping de Xangai pensou em uma solução: um “depósito de maridos”. Assim, a mulher tira o homem de casa e deixa ele num lugar específico enquanto visita as lojas em que ele não quer entrar.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Xangai agora tem 'depósito de maridos' para mulheres que vão às compras

Na prática, é como uma mãe que deixa o filho com uma babá enquanto precisa fazer algo importante. O “depósito”, afinal, nada mais é do que uma lojinha com vários “pods”. Em cada pod fica uma cadeira com um monitor, um computador e um controle. Lá, os homens podem jogar games retrôs da década de 1990.

A grande atração dos pods é que eles são grátis. Ou seja, os maridões podem voltar à infância sem pagar nada por isso. Segundo o jornal chinês “The Paper”, existem planos de cobranças no futuro, mas o shopping afirma que serão valores simbólicos.

Xangai agora tem 'depósito de maridos' para mulheres que vão às compras

Os pods - ou depósitos, como queiram - deram origem a um debate interessante na sociedade chinesa. Há quem aprove a ideia, dizendo que eles incentivam os homens a saírem de casa e até a pagarem as compras das mulheres. Outros, porém, questionam. Afinal, se o marido vai sair de casa só para ficar jogando videogame, qual a vantagem para a esposa?

Ela ganhou 12 quilos e compartilhou no Instagram para mandar recado importante

PrincessButtercup
há 3 meses1.2k visualizações

Quatro anos atrás, a irlandesa Amie Wiley, com 14 anos, pesava 54 quilos e seguia uma dieta rígida de poucas calorias, quase nenhum carboidrato e uma quantidade reduzida de proteínas. Hoje, em 2017, ela tem 18 anos, pesa 66 quilos e compartilhou uma foto de seu novo visual para mandar uma mensagem importante.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Ela ganhou 12 quilos e compartilhou no Instagram para mandar recado importante

Atualmente, Amie tem uma dieta bem diferente, equilibrando proteínas, carboidratos e gorduras. Ela também malha cinco vezes por semana, o que explica o ganho de massa muscular. Por isso ela mostra que os 12 quilos adquiridos ao longo de quatro anos são uma prova de que o “mais magro é melhor” não passa de um grande mito. Veja abaixo a imagem “antes/depois” que ela postou:

Com a hashtag #gainingweightiscool, algo como “ganhar peso é legal”, a moça diz que prefere a “Amie mais forte” em comparação com a “Amie magrela” e que hoje em dia come muito mais e adora carboidratos.

Em uma entrevista ao Daily Mail, a irlandesa que mora em Londres afirmou que decidiu em 2015 fazer uma transição na academia: deixar os exercícios cardios e começar a trabalhar com pesos. O resultado foi uma transformação em seu corpo, hoje com mais massa e músculos mais bem definidos.

No processo, Amie também precisou superar preconceitos de muita gente que não queria que ela ficasse musculosa. Hoje, em sua conta no Instagram, que tem quase 10 mil seguidores, ela tenta incentivar meninas que foram iguais à ela no início da adolescência. Moças magrinhas que tinham medo de ganhar peso.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
pilarmag
Escritora, psicóloga de parentes e amigos, experimentada na cozinha e na Comunicação, já pipocou na chapa quente de grandes jornais e empresas, mãe de cachorro, esposa prendada e tirana, mulher sensível e chorona, teóloga meia boca, fã de Neil Degrasse Tyson. Namastê! Prazer em te conhecer.