Pelo mundo
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Pelo mundo
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Pelo mundo
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Lavando roupa na Sibéria: como ficam os tecidos a 50 graus abaixo de zero

PrincessButtercup
há um ano45 visualizações
Lavando roupa na Sibéria: como ficam os tecidos a 50 graus abaixo de zero
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Pega roupa, joga tudo na máquina de lavar e deixa ela fazer o trabalho. Quando acaba, tira aquele bolo de roupa da máquina e coloca no varal pra secar. Isso é o procedimento normal numa cidade normal, como a minha, a sua e a maioria aqui nesse paizão tropical que é o Brasil.

Mas e se você morasse num lugar frio? Num lugar muito, muito frio? Sem máquina pra secar as roupas? O que fazer? Você tem ideia do que aconteceria com as roupas se você colocasse elas num varal na Sibéria, a 50 graus abaixo de zero? Então espia só esse vídeo: 

Pois é. Sol ou chuva, o frio e o gelo meio que petrificam suas roupas e, em alguns casos, nem dá pra saber se a roupa está mesmo seca. A água evapora assim que entra naquela temperatura congelante, mas leva um tempo para que ela seque de verdade. O jeito é tirar do varal, levar pra dentro de casa e esperar descongelar. Sim, como se fosse um pedaço de carne ou um cubo de gelo. Só não vá enfiar no microondas, por favor!

Só depois de descongelar é que você consegue saber com certeza se a roupa está seca. Se não estiver, repita o processo. Leve para fora, deixe no frio, busque depois de umas horas e descongele novamente. E pronto. Se preferir, passe o ferro para deixá-la bonitinha. 

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

PrincessButtercup
há um ano51 visualizações

Ao contrário do que Donald Trump acredita, aquecimento global é coisa séria e vem colocando em risco alguns dos destinos turísticos mais valiosos do planeta. E já que as temperaturas vêm subindo num nível muito mais rápido do que os especialistas imaginavam, é bom você se planejar e visitar alguns desses lugares antes que eles desapareçam.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

1. Veneza

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

Eventuais inundações na Praça de São Marco e ouras partes da cidade não são exatamente surpreendentes, mas o aumento do nível dos oceanos ameaça seriamente a cidade. Ativistas vêm investindo em diques e outras tecnologias para controlar as marés, mas é impossível prever se esses sistemas vão funcionar - e até que ponto serão eficientes.

2. Mar Morto

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

O Mar Morto está diminuindo assustadoramente um metro por ano. Desde o início do século, sua água já perdeu 1/3 do volume. E nesse caso, o aquecimento global não é o único culpado. Houve construções de represas e oleodutos e, além disso, os minerais terapêuticos do Mar Morto vêm sendo extraídos de lá por grandes empresas, o que também vem prejudicando a região. Especialistas dizem que o Mar Morto pode estar completamente seco já no ano 2050.

3. Key West

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

A charmosa região da Flórida, no sudeste dos EUA, também está ameaçada. Engenheiros acreditam que o nível do mar na região vai subir cerca de 45 centímetros nos próximos 30 anos. Seria o suficiente para cobrir boa parte do solo da cidade.

4. Os Alpes

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

O paraíso dos esquiadores europeus tem temporadas de neve cada vez menores, e muitos resorts já começaram a compensar a falta de condições para o esporte oferecendo spas e outras atividades como passeios a cavalo e quadras de tênis.

5. As Maldivas

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

As famosas ilhas no Oceano Índico são formadas por uma série de atóis (ilhas formadas por corais), mas as marés já vêm desalojando alguns locais e correm risco de desaparecerem por total em alguns anos.

6. Grande Barreira de Corais

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

Um dos destinos turísticos mais espetaculares e populares da Austrália, a barreira de corais vem sendo vítima do chamado coral bleaching - os corais ficam brancos e morrem. Isso tudo é causado pelo aumento na temperatura do oceano. Estudos recentes mostram que mais de 90% da Grande Barreira de Corais já sofreu algum tipo de bleaching.

7. Alaska

7 lugares pra ver antes que o aquecimento global acabe com eles

A parte pouco explorada do Alaska tem muito a oferecer a aventureiros que gostam de atividades outdoor. Só que a região fica muito perto do Ártico, que vem derretendo. Por isso, o Alaska vem sofrendo com erosão e degelos. 

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
pilarmag
Escritora, psicóloga de parentes e amigos, experimentada na cozinha e na Comunicação, já pipocou na chapa quente de grandes jornais e empresas, mãe de cachorro, esposa prendada e tirana, mulher sensível e chorona, teóloga meia boca, fã de Neil Degrasse Tyson. Namastê! Prazer em te conhecer.