YOUTUBE

YouTube brasileiro perde dois de seus mais queridos cãezinhos

Autor

Pelo menos no discurso, a internet brasileira gosta mais dos animais do que das pessoas. Aliás, quanto mais famoso, mais hater a pessoa tem. Cresce em progressão geométrica. Mas… Você pode odiar o quanto quiser Rafinha Bastos e PC Siqueira, dois dos pioneiros do YouTube brasileiro. Tenho certeza de que entende a dor de perder um animalzinho de estimação.

YouTube brasileiro perde dois de seus mais queridos cãezinhos

O destino foi cruel com Rafinha e PC, que inclusive dividem com Cauê Moura o canal Ilha de Barbados. Os dois perderam seus amados cãezinhos de estimação no mesmo fim de semana. Lola, a bulldog francês de PC, se foi no sábado, dia 11, depois de uma operação para retirar um tumor.

YouTube brasileiro perde dois de seus mais queridos cãezinhos

Walmor, o pug de Rafinha, morreu no dia seguinte, domingo.

YouTube brasileiro perde dois de seus mais queridos cãezinhos

Quem acompanha os canais dos dois compartilhou a dor da perda. Lola e Walmor foram estrelas dos vídeos de PC e Rafinha. Os fãs de PC acompanharam o crescimento de Lola desde o primeiro momento. E isso faz muito, muito tempo. Ela foi doada por uma agência publicitária em junho de 2010 depois que o youtuber disse em vídeo que estava se sentindo sozinho e precisava de companhia.

Além de ver Lola filhote - a coisa MÁR LINDA desse mundo - o vídeo acima é uma chance de tomar uma surra de nostalgia, já que PC mudou completamente e, junto com ele, a forma de se fazer vídeos desde o começo dessa brincadeira divertida chamada YouTube. Nos comentários do vídeo, várias mensagens de amor recentes, lamentando a partida de Lola.

E Walmor? O que dizer de Walmor? A notícia de sua morte foi seguida de mensagens de apoio a Rafinha Bastos - natural - e também da frase “Francisco Cuoco comendo kiwi”. Entendedores entenderam. A referência foi a um clássico do canal de Rafinha, em que ele tenta provar que seu cão tinha nojos bem específicos na vida.

O vídeo, de janeiro de 2011 (outros tempos…), acabou tendo parte dois, parte três e parte quatro, tamanho o apelo pelo mistério de Walmor. Walmor e Dercy, aliás, sua companheira, que aparece no fim do vídeo.

Os dois anúncios via Twitter tiveram repercussão entre colegas de profissão, tanto o da morte de Lola…

YouTube brasileiro perde dois de seus mais queridos cãezinhos

… quanto a de Walmor.

YouTube brasileiro perde dois de seus mais queridos cãezinhos

A gente não costuma pensar muito quando pega um cachorrinho para criar, adotado ou comprado. É meio óbvio, né? O filhotinho tem um apelo quase irresistível. A Ciência diz que os lobos se aproximaram do ser humano - e vice-versa - em uma relação de cumplicidade. O lobo não precisaria mais caçar. O humano teria uma defesa contra outros animais selvagens. Nada mais vale disso tudo. Ficou a cumplicidade, o carinho e, pelo menos da parte do ser humano, o amor.

Só faltou equalizar uma coisinha só, chamada “expectativa de vida”. A nossa ainda é maior que a deles. Bem maior. E quem fica para trás somos nós, logo quem antropomorfiza a relação e amarga a tristeza sólida da ausência. “Nunca mais”, a gente diz. “Nunca mais eu quero passar por isso”. Dói demais.

Até que aparece outro filhotinho, e ele é tão bonitinho… Será que...

Força e amor aos dois papais machucados pela saudade.