FILMES

Academia pede desculpas por piada de Chris Rock com crianças asiáticas no Oscar

Sheila Vieira
Author
Sheila Vieira

A cerimônia do Oscar aconteceu há mais de duas semanas, mas #certaspiadas ainda estão causando polêmica. A Academia se desculpou oficialmente por uma das partes mais bizarras da apresentação de Chris Rock: quando o comediante chamou três crianças asiáticas para serem auditoras dos prêmios, tirando sarro do estereótipo de que na Ásia o trabalho infantil seria comum.

As desculpas são uma resposta a uma carta formal enviada por 24 membros de origem asiática da Academia, incluindo o duas vezes premiado diretor taiwanês Ang Lee (por “Brokeback Mountain” e “As Aventuras de Pi”) e a atriz canadense Sandra Oh, filha de coreanos e conhecida por ter interpretado Cristina em “Grey’s Anatomy”. O ‘manifesto’ dizia:

“Estamos escrevendo como membros descendentes de asiáticos da Academia para expressar nossa completa surpresa e decepção com o fato de que asiáticos foram um alvo no Oscar, perpeturando estereótipos racistas”.

A carta também destacava que 60% da população mundial é asiática e um potencial público para o cinema.

Por comunicado, a Academia garantiu que “agradece as preocupações apontadas e lamenta por qualquer aspecto da cerimônia do Oscar que tenha sido ofensiva. Estamos comprometidos em fazer nosso melhor para garantir que o material futuro seja mais culturalmente sensível”.

O caso das crianças asiáticas no Oscar ficou mais sério quando a mãe da garota que esteve no palco afirmou que não sabia o conteúdo da piada antes de assinar o contrato pela filha e teria vetado sua participação se soubesse:

“É duro ver fotos da sua filha com aquela cara muito séria no palco associadas com tudo isso. É realmente um balde de água fria em toda a alegria que ela sentiu só por estar ali”, afirmou Laura King.

Na minha visão, zoar crianças de qualquer raça é uma coisa desnecessária. Mas é incrivelmente irônico como uma cerimônia que pretendia defender a diversidade acaba tratando mais da metade da população mundial como robôs que exploram crianças.

#oscars #asians #asianjokes #chrisrock #theacademy