Desabafos aleatórios
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Desabafos aleatórios
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Desabafos aleatórios
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Desesperado porque o vestibular está perto? Veja dicas de estudo para reta final

DeTudoUmPouco
há um ano40 visualizações
Desesperado porque o vestibular está perto? Veja dicas de estudo para reta final
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Impossível não bater o desespero quando falta um mês para um vestibular muito difícil e você tem certeza de que não está 100% preparado (ninguém nunca está, ok?). Mas agora é hora de respirar, fazer escolhas e, principalmente, ter uma estratégia. Aqui estão as minhas dicas de estudo para a reta final:

Se você ainda não leu todos os livros obrigatórios, não tente fazer isso correndo agora.

O ideal é sempre ler todos (até porque costumam ser muito bons), mas isso não é suficiente para responder uma questão corretamente sobre eles. Geralmente, o que é perguntado relaciona o livro com o período literário e histórico em que ele se insere. Então, se a situação já está crítica, talvez seja mais eficaz ler bons artigos analíticos sobre as obras do que a obra em si. 

Não deixe de estudar as matérias que você domina mais.

É bem comum o vestibulando querer aprender na última hora os assuntos complexos que ele não domina. Isso é um erro. A probabilidade de algo que não entrou na sua cabeça em oito meses entrar agora é bem pequena. Mas a chance de algo que você sabe bem desaparecer da sua memória se você ficar um mês sem estudá-la é grande. Sim, o cérebro é bem FDP nesse aspecto. Não tente ser o bom em tudo, se você não é. Assuma sua característica e tente gabaritar as suas matérias preferidas.

Faça simulados. Muitos simulados.

Você pode ser muito inteligente, mas se enrolar com o tempo e estragar tudo em uma prova que poderia ir muito bem. Os simulados fazem com que você perceba quanto demora para passar por cada matéria. Não cometa o erro de dividir o tempo igualmente entre as disciplinas, porque fazer contas (ah, exatas…) sempre gasta um pouquinho a mais. Se você for De-Humanas, então, corre maior risco de errar a conta e precisar recomeçar. 

O vestibulando também vai perceber quanto tempo precisa para dar uma conferida geral e preencher o gabarito sem erros. É chato que sua vaga dependa dessas coisinhas não ligadas ao intelecto, mas é a regra atual do jogo.

Se você sentir muita pressão e precisar surtar um pouco, surte de uma vez.

É bem comum ver vestibulandos dos cursos mais concorridos tendo um meltdown em algum momento em outubro. Esta que vos fala teve duas crises de choro: durante uma aula de matemática e depois de um simulado. Não se envergonhe. Há quem vá te julgar e falar que a vida é muito mais que uma prova. Eles estão certos. Mas só você que sabe como é horrível sentir que todo o seu esforço durante um ano não vai dar em nada. Respeite seu momento e surte mesmo, tentando poupar amigos e família, de preferência. No dia seguinte, você vai estar com uma vontade ainda maior de voltar a estudar.

E boa prova, não boa sorte. Se você estudou, não vai precisar de sorte. ;)

#vestibular #prova #estudos #educação

Cinco passos para escolher direito um(a) vereador(a) para votar

DeTudoUmPouco
há um ano33 visualizações
Cinco passos para escolher direito um(a) vereador(a) para votar
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Não adianta ficar o tempo todo no Facebook reclamando dos políticos vagabundos, que só aprovam projetos em benefício próprio, se você não faz a sua parte na hora de votar. Tire um tempinho de vida para escolher adequadamente um(a) candidato(a) a vereador(a) que represente seus ideais, ao invés de só votar em uma legenda e depois ver os mesmos picaretas de sempre ganhando.

Primeiro passo: sim, selecione os partidos com os quais você se identifica

Não venha com papinho de “é tudo a mesma merda” e “odeio todos os partidos”. Você pode entender que há corrupção em todo o sistema político nacional, mas sempre tem preferências que se aproximam mais da esquerda ou da direita. Não é preciso ser cientista social para ter uma opinião sobre cotas sociais e raciais, por exemplo. O que você não pode fazer é parar por aí.

Segundo passo: conhecer os candidatos

Há alguns portais com os dados de todos os candidatos, como este do G1 em São Paulo: 

Você pode filtrar por gênero, ocupação, grau de instrução, partido, patrimônio, bandeira da candidatura e área de atuação. Assim, você chega a alguns nomes que podem ser desconhecidos, mas têm características importantes para você. Faça uma lista com pelo menos uns 30 nomes.

Terceiro passo: conhecer melhor os candidatos selecionados

O nosso grande amigo Big Brother, QUER DIZER, GOOGLE, irá ajudar nesta hora. Coloque o nome dos candidatos na pesquisa com palavras como “acusado”, “condenado” e “suspeito”. Você descobre rapidinho se a pessoa já se envolveu em alguma falcatrua e pode riscá-la da sua lista. Espero que sobre alguém.

Cinco passos para escolher direito um(a) vereador(a) para votar

Quarto passo: procure as redes sociais do candidato

Se alguns passaram pelo crivo do Google, é hora de saber o que o candidato fala em seus perfis nas redes sociais e, também, o que seus “fãs” estão falando. Muitas vezes, o candidato faz uma campanha bonitinha e corretinha, mas deixa escapar algumas opiniões ~polêmicas~ online. Veja o tom das pessoas que o apóiam e veja se você se identifica. 

Quinto passo: reflita se você realmente está votando por mudança

Como disse no começo, é difícil ficar pedindo por algo novo se suas escolhas refletem o antigo. Se você é mulher, que tal ir atrás de um nome feminino para aumentar nossa participação por lá? Se você é negro(a) e gostaria de se ver mais representado na Câmara, vote em alguém como você. É ativista de direitos de animais? Mesma coisa. Vamos eleger pessoas que representem os valores da nossa época. Temos muita sorte de ainda podermos fazer esta escolha.

#politica #vereador #eleições

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar