FILMES

Em monólogo sobre racismo, Chris Rock decide humilhar... uma mulher negra

Autor

ERROR.

Como esperado, Chris Rock colocou o dedo, a mão e o braço inteiro na ferida do #OscarsSoWhite durante a cerimônia da Academia, neste domingo. Já entrou dizendo que, se houvesse indicações para apresentador, ele não estaria ali, e falou uma série de verdades sobre falta de reconhecimento e oportunidade para atores negros. Quase pensei que ele conseguiria fazer o monólogo inteiro sem menosprezar mulheres.

Eu estava errada. De todas as pessoas, Rock decidiu ‘silenciar’ justamente uma atriz negra: Jada Pinkett Smith, que publicou um vídeo falando extensamente sobre como a comunidade negra deveria parar de buscar aprovação de brancos poderosos e se apoiar internamente.

Se você não viu, aqui está:

A piada: “Jada boicotando o Oscar é como eu boicotando a calcinha da Rihanna. Não fui convidado”.

Em monólogo sobre racismo, Chris Rock decide humilhar... uma mulher negra

O pior é que, em seu vídeo, a Jada havia desejado sorte ao Chris Rock na apresentação do Oscar. O agradecimento dele por isso foi diminuindo a importância dela e do marido dela, Will Smith, dizendo que ele não merecia US$ 20 milhões por Wild Wild West (esta parte é verdade).

De todas as pessoas que falaram porcarias significativas nos últimos meses, incluindo A INDICADA A MELHOR ATRIZ QUE ESTAVA NO RECINTO Charlotte Rampling (comentou que o boicote era 'racismo contra os brancos'), a única pessoa a ser citada e humilhada publicamente é uma mulher negra.

Depois ele fez mais algumas piadas e observações certeiras sobre raça na indústria (“racista de sororidade” foi a minha preferida) e decidiu terminar de forma estranha, criticando o “Ask Her More”, uma espécie de campanha para que atrizes sejam mais questionadas sobre seu trabalho do que sobre seus vestidos. 

“É porque homens vestem todos a mesma roupa!”, disse Chris. 

NOSSA, AGORA TUDO FAZ SENTIDO! O CARA RESOLVEU O ENIGMA, PODEM VOLTAR A VALORIZAR MAIS A APARÊNCIA DO QUE O TALENTO DAS MULHERES, GALERA, COMO A GENTE ERA BURRA POR RECLAMAR DISSO! 

Infelizmente, isso tudo não é exatamente uma surpresa para quem acompanha a carreira do Chris Rock. As visões dele sobre gêneros sempre foram, digamos, próximas dos clichês.

Uma parte de mim quer acreditar que o casal Smith deu ‘permissão’ a Rock para falar aquilo. Mas isso não vai tirar a impressão de que, por mais que todos os atores negros sofram com o racismo, a batalha para as mulheres negras ainda é duas vezes maior.

Gostaria de ouvir a opinião de vocês sobre a apresentação do Chris Rock, especialmente dos negros. Gostaram?

#Oscars #ChrisRock #JadaPinkettSmith #Racism