O mundo não é o bastante
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
O mundo não é o bastante
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
O mundo não é o bastante
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Saiba a quais dados seus o Spotify tem acesso e para quem podem repassá-los

DeTudoUmPouco
há 10 meses40 visualizações
Saiba a quais dados seus o Spotify tem acesso e para quem podem repassá-los
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

"Termos e condições" e "política de privacidade". Essas expressões com as quais a gente se depara o tempo todo e entende como "textão que eu tenho que passar rapidamente para clicar no 'aceito'". Bem, elas são as responsáveis pela sensação constante que temos de estarmos sendo vigiados. Como empresas nas quais você nunca se cadastrou têm acesso ao seu CPF, endereço e perfil de compras?

<isso é muito black mirror mêo>

No dia 24 de dezembro, o Spotify atualizou sua política de privacidade e deu um tremendo susto em todo mundo que leu o "textão", ao dizer que o usuário estava renunciando ao seu direito a sigilo bancário, inclusive para parceiros do serviço de streaming localizados em outros países.

Saiba a quais dados seus o Spotify tem acesso e para quem podem repassá-los

Claro que nenhuma política de privacidade se sobrepõe à legislação brasileira, mas muita gente entendeu este trecho como uma admissão do Spotify de que eles compartilham dados financeiros de seus usuários para empresas em todo o mundo. E que talvez eles tenham acesso a mais coisas do que só os dados dos nossos cartões.

Após toda a repercussão negativa, eles mudaram o texto, que não fala mais em sigilo bancário (frases destacadas por minha conta): 

"VOCÊ CONFIRMA E CONCORDA COM A IMPORTÂNCIA DE COMPARTILHAR TAIS INFORMAÇÕES RELACIONADAS À PRESTAÇÃO DO SERVIÇO SPOTIFY E TAMBÉM CONCORDA QUE, AO ACEITAR ESSA POLÍTICA DE PRIVACIDADE, ONDE FOR APLICÁVEL E NA MEDIDA PERMITIDA PELA LEI APLICÁVEL, VOCÊ AUTORIZA O SPOTIFY A COMPARTILHAR AS INFORMAÇÕES DE PAGAMENTO FORNECIDAS POR VOCÊ COM QUALQUER EMPRESA NO GRUPO SPOTIFY E A QUAISQUER PARCEIROS DE NEGÓCIOS E PRESTADORES DE SERVIÇOS CONFIÁVEIS, QUE PODERÃO ESTAR LOCALIZADOS FORA DO SEU PAÍS DE RESIDÊNCIA, PARA O FIM EXCLUSIVO DE VIABILIZAR O PAGAMENTO DO SERVIÇO CONTRATADO POR VOCÊ. ESSE CONSENTIMENTO É FORNECIDO PARA TODO O PERÍODO DE SEU RELACIONAMENTO COM O SPOTIFY."

Sim, eles ainda podem compartilhar dados do seu cartão com quem bem entenderem.

Outras coisas a que eles têm acesso:

1. Seu nome, data de nascimento, endereço e outras informações que você fornece quando se inscreve na Spotify. Caso você se conecte pelo Facebook, eles acessam suas credenciais da rede social do Mark e podem saber o que você curte e compartilha.

2. Localização genérica, não específica, que derivam de seu endereço de IP.

3. O tipo de navegador e aparelho que você usa, dados de sua tela e informações dos sensores de acelerômetro e giroscópio de seu aparelho.

4. Sua localização específica (GPS), segundo o Spotify, sempre pedindo permissão clara anteriormente.

5. Sua galeria de fotos, caso você queira usar alguma para seu perfil ou uma playlist. Eles prometem não armazenar as fotos não escolhidas para uso no serviço.

6. Seus contatos, com autorização prévia.

7. Seu microfone, com autorização prévia.

8. Seus 'cookies', também conhecidos como seu histórico de buscas e sites frequentados.

9. Eles sabem os tipos de dispositivos que você está usando para acessar ou se conectar ao Serviço Spotify, o ID exclusivo do dispositivo, atributos do dispositivo, o tipo de conexão de rede (por exemplo, WiFi, 3G, LTE) e o desempenho do provedor, da rede e do dispositivo, o tipo do navegador, o idioma, informações que permitem a gestão dos direitos autorais digitais, o sistema operacional e a versão do aplicativo Spotify.

Para quem esses dados podem ser repassados:

1. Para o Facebook, caso você se conecte por lá. Os dois serviços compartilham suas informações.

2. Para os "parceiros do setor da música" do Spotify (gravadoras).

3. Para os anunciantes do Spotify.

4. Prestadores de serviço. Vou copiar e colar: "Por exemplo, trabalhamos com prestadores de serviços para hospedar nosso Site da Comunidade de Suporte Spotify e com provedores analíticos para nos ajudar a compreender o uso dos nossos Serviços. Quando um terceiro processar dados do usuário em nosso nome (por exemplo, um prestador de serviços de hospedagem), ele estará sujeito às obrigações de segurança e confidencialidade consistentes com essa Política de Privacidade e a lei aplicável. Quando um terceiro processar dados do usuário em seu próprio nome, seu processamento estará sujeito à sua própria Política de Privacidade e lei aplicável."

5. Empresas de telefonia: caso você tenha comprado a conta no Spotify através de uma, a empresa sueca pode compartilhar seus dados com ela.

6. Para os detentores de direitos autorais das músicas.

Para ficar claro, a intenção aqui não é fazer todo mundo deletar sua conta agora. O serviço do Spotify é excelente. Mas é sempre bom sabermos do que estamos abrindo mão, além de dinheiro, para podermos escutar qualquer música a qualquer momento. Afinal, informações sobre nossos gostos e gastos são muito valiosos para muita gente. 

Leia a política de privacidade completa:

Ninguém vai te julgar se você não se importar. Afinal, poucas coisas são melhores do que ouvir sua banda ou artista preferidos no fone de ouvido.

#spotify #music #privacypolicy 

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

DeTudoUmPouco
há um ano22 visualizações
Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

O presidente-eleito dos EUA já disse que o aquecimento global é uma invenção da China para prejudicar a indústria norte-americana. Mas a verdade é que este fenômeno não é uma teoria: é realidade e já está deixando efeitos devastadores em nosso planeta. Como uma imagem diz mais que mil palavras, a National Geographic convidou fotógrafos para registrar os impactos atuais do aumento da temperatura média do planeta.

A imagem que você vê aí em cima é um urso polar na ilha Barter, no Alasca. Deveria haver neve onde ele está no momento. Segundo a fotógrafa Patty Waymire, os habitantes de Kaktovic notaram que o inverno está mais quente e vai demorar para o gelo aparecer, o que também afeta a população de focas e toda a cadeia alimentar da região.

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

Esta foca foi registrada por Kira Morris, na ilha Ross, na Antártida. Tentando sobreviver em meio a geleiras em destruição. 

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

Esta geleira no Alasca, fotografada por Jennifer Warner, está diminuindo a cada ano que passa.

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

Esta é a geleira Svínafellsjökull, na Islândia, que o homem nesta foto, Hanna Pètursdóttir, visita há alguns anos. Ela perdeu 12% de seu tamanho em apenas 15 anos. A caverna que ele observa tem aumentado de forma assustadora. O registro é de Tom Schifanella. 

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

A diminuição do gelo prejudica o ritual de caça dos ursos polares, que acabam invadindo áreas povoadas por humanos. Os habitantes pegam cães para se protegerem dos ursos, que se encontram cada vez mais encurralados. Esta foto de Vladimir Melnik foi tirada na Terra de Francisco José, arquipélago russo.

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

É provável que este urso polar fotografado por Vadim Balakin no arquipélago ártico de Svalbard tenha morrido por fome, não por idade, já que seus dentes estão em boas condições.

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

O aquecimento global não está afetando só as extremidades do planeta. Este cenário que você vê na foto acima, de Bachir Badaqui, é do do lago Folsom, na Califórnia. A água preenchia todo o espaço desta foto e muito mais. Sobraram 15% da capacidade do reservatório, que abastece comunidades locais e ajuda a gerar energia para a região.

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

A mudança climática em áreas mais secas faz com que animais se alimentem de restos oferecidos por fazendeiros, como as laranjas que você vê na foto de Jetje Japhet, e comam à noite, algo raro para essas espécies.

Estas fotos impressionantes mostram impactos já reais do aquecimento global

O nível do mar está subindo em todo o mundo e esta é uma inundação em Mousini, ilha indiana, na foto de Arka Dutta. O local está sendo varrido pela água a cada temporada de chuvas, afundando casas e criando a primeira região de refugiados do clima.

#aquecimentoglobal #clima #globalwarming #climatechange #world #nature #photo #fotos #science #ciência #animals #animais

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar