Pai e madrasta matam criança de três anos e a enterram no quintal de casa

 

O corpo do pequeno Luiz Henrique da Silva, de três anos, foi encontrado no quintal da casa onde seu pai e sua madrasta moram, em Nova Olinda do Norte (AM). Os dois foram presos por terem matado o pequeno.

A avó do garoto, Rosinete, disse que Luiz estava com o pai desde outubro, sem a autorização dela.

“Eu entreguei meu filho na mão da avó [paterna] dele. Ela saiu dia 12 de outubro, Dia das Crianças, para levar o menino para comprar um presente. Desse presente, o pai dele apareceu e disse que ia entregar o menino dia 8 [de novembro]. Passou o dia 8 e não apareceram com a criança (...) Porque o pai dele nunca morou com ele, não teve participação nenhuma. Ela [avó] disse que [o pai] ia levar ele (...) Eu não dei permissão para ela [avó] levar ele. Pegou sem minha autorização, sem autorização da mãe.

Eu mandava mensagem todos os dias, mandava áudio e ela [avó] só visualizava e não respondia. Logo [o pai] mandou um monte de mensagem dizendo que eu não era nada para o menino. Um monte de coisa”

No último sábado (18), agentes de saúde foram a residência e não encontraram o garoto, além do pai de 21 anos e a madrasta de 25 apresentarem versões diferentes sobre a localização do pequeno.

No dia seguinte, a polícia foi ao local e encontrou o corpo de Luiz enterrado. Os dois disseram que enterraram o garoto após o agredirem.

Como pode acontecer um absurdo desses? 

 
00
Mobil uygulamamızı indirdiniz mi? Hemen indir