Acusada de racismo, Lena Dunham retrata pior modelo de 'feminista branca'

Harold e Aurora Perrineau x Lenna Dunham (Reprodução / Afropunk)

Numa retrospectiva de 2017, os escândalos de Hollywood afundaram algumas carreiras, principalmente de homens sob graves acusações de assédio e abuso sexual, mas a trajetória da diretora Lena Dunham também saiu chamuscada por episódios considerados racistas em uma série de deslizes públicos.

38Girls39

46Girls47

Algum tempo antes disso, Lena tinha declarado no Twitter: “Coisas sobre as quais mulheres mentem: o que elas comeram no almoço. Coisas sobre as quais mulheres não mentem: estupro”. Mas no caso de Murray Miller, ela tentou contemporizar e desmerecer a fala de Aurora Perrineau declarando, ao lado da produtora da série Jenni Konner em um depoimento ao site Hollywood Reporter, que acreditava num mal entendido: “Enquanto nosso primeiro instinto é ouvir a versão de todas as mulheres, nossa vivência de bastidores sobre a situação de Murray nos deixa confiante que infelizmente essa acusação está entre os 3% de falsas denúncias de estupro todos os anos”.

A tentativa de defesa de Murray caiu como um bomba para a imagem feminista de Lena Dunham, que acabou se sentindo obrigada a fazer um pedido de desculpas para acalmar as críticas. Mesmo assim, a escritora negra Zinzi Clemmons, que foi colega de faculdade de Dunham, e se tornou redatora para sua revista feminista Lenny Letter, postou no Twitter a acusando de racismo ao pedir demissão do emprego.

“Está na hora de mulheres não brancas, e especialmente mulheres negras, se afastarem de Lena Dunham e pararem de apoiá-la”, escreveu Clemmons. “Nós duas participávamos dos mesmos círculos durante a faculdade, mas eu costumava evitá-la e também seus amigos, porque sabia que eram racistas. Eles praticavam o que eu chamo de ‘racismo hipster’, que usa sarcasmo como um disfarce. Eles dizem que é só uma piada quando você os questiona, diz que você é histérica e está exagerando. Usavam palavras ofensivas para serem ‘provocativos’. Muitas vezes estive na mesma sala que essas pessoas, mas só as observava de longe, sentindo ansiedade e horror”, desabafou.

109Girls110

Seja o primeiro a curtir!

CATEGORIAS