SEGUE
Saúde

América do Sul Coleção

razia90razia90
1 Historia
0 Seguidor
0 Compartilhar

Reunião de Ministros da Saúde na Argentina e as novas perspectivas

O ministro da saúde brasileira Luiz Henrique Mandetta participou, em 14 de junho de 2019, da XLIV Reunião de Ministros e Ministras de Saúde do Mercosul e estados associados, em San Carlos de Bariloche, em Rio Negro, na Argentina.

Além dele, participaram os ministros da saúde dos seguintes países: Argentina, Uruguai e Paraguai; dos estados associados Peru, Equador e Bolívia (estado em parte de processo de adesão).

Na oportunidade o ministro brasileiro, juntamente com os demais, se comprometeu a reunir esforços para negociar os preços de medicamentos de alto custo, assim como garantir melhoria nos níveis de vacinação nas Américas, principalmente nas fronteiras.

O ministro Mandetta apresentou ainda um processo de incorporação do medicamento Spinraza para o tratamento da doença Atrofia Muscular Espinhal (EMA) no Sistema Único de Saúde (SUS).

Ele ainda aproveitou a ocasião para convidar os ministros para o evento de lançamento do Relatório Global de Controle do Tabaco que será sediado pelo Brasil no dia 26 de julho, no Rio de Janeiro.

Reunião Semestral

A reunião acontece a cada 06 meses no país que exerce a presidência

Pro Tempore
do bloco.

Sendo assim, o próximo encontro vai acontecer no Brasil.

Nesta reunião, os ministros da saúde ainda assinaram uma declaração que diz respeito a priorização da saúde em todas as políticas, a prevenção e controle de enfermidades; e, neste documento, foi ressaltado a necessidade de manter as coberturas vacinais para a prevenção da introdução de doenças que já foram eliminadas.

Mercosul

O Mercado Comum do Sul (Mercosul) é uma organização internacional criada em 1991 por meio do Tratado de Assunção.

Participam dele países como o Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai que buscam adotar políticas de integração econômica e aduaneira.

Posteriormente, foi incluída a Venezuela, mas agora ela está suspensa por conta dos problemas da crise que assola o país. 

0