Com o decreto de Bolsonaro, qualquer brasileiro poderá comprar um fuzil

Com o decreto de Bolsonaro, qualquer brasileiro poderá comprar um fuzil

Com o decreto de Bolsonaro, qualquer brasileiro poderá comprar um fuzil

O decreto de Bolsonaro que entrou em vigor no início de Maio permite que cidadãos comuns tenham acesso a fuzis. Isso se tornou possível pois além de facilitar o acesso às armas, o presidente também aumentou em 4 vezes a potência máxima das armas que a população terá acesso.

Por causa disso, o Fuzil T4, produzido pela Taurus, entrou na lista das armas disponíveis para comercialização. O poder de uma arma de fogo é medido pela energia cinética que ela possui.

Até então, o máximo permitido para o acesso dos civis era 407 joules, com o decreto, o máximo passou a ser 1620 joules. O Fuzil T4 possui1320. Sendo assim, essa e muitas outras armas potentes que eram de uso exclusivo das Forças Especiais agora podem ser adquiridas pelo cidadão comum.

A Taurus afirmou que já possui mais de 2.000 pessoas na espera para comprar o Fuzil T4 e só espera a regulamentação do decreto. Benê Barbosa, especialista em armas explicou:

“T4 é um fuzil de assalto, de uso militar policial. A versão que vai estar disponível para o civil não tem essa opção de rajada. É tiro a tiro. E essa, sim, se o cidadão cumprir todos os quesitos legais vai poder ter um desse em casa”

Com o decreto de Bolsonaro, qualquer brasileiro poderá comprar um fuzil

O decreto de Bolsonaro vem sendo duramente criticado pela população, embora uma parte também o defenda. O Ministério Público pediu a suspensão do decreto.

Além do Fuzil T4, pistolas calibre ponto 40, pistola nove milímetros, pistolas calibre 45 e carabinas semiautomáticas também foram liberadas para venda.

Seja o primeiro a curtir!

Comentários

avatar

As pessoas também curtiram

Histórias relacionadas
1.
O que aconteceu com os MMOs de antigamente?
2.
Vítima de assédio é salva por bilhete de desconhecida e história viraliza
3.
Falece mulher que inalou fumaça de pneus durante protestos de sexta
4.
Bolsonaro diz que sairia cachaça se dessem uma facada na barriga de Lula
5.
Os efeitos da droga mais letal do mundo: o álcool
6.
A relação entre Flávio Bolsonaro e a COAF
7.
Devemos regular as mídias sociais?
8.
Unicamp cria remédio para tratar diabetes com base na jabuticaba
9.
Como esconder o IP do celular?
10.
“Nós confiamos irrestritamente em Moro”, afirma Bolsonaro
500x500
500x500