‘Vendi meu cabelo por US$ 2 para poder alimentar meus filhos’

 

Uma mulher de 31 anos chamada Prema Selvam entrou em uma situação de desespero total quando viu seu filho pedir comida e não ter nada para dar. ‘Meu filho de 7 anos, Kaliyappan, voltou da escola e pediu comida. Depois, começou a chorar por causa da fome’.

Morando no distrito de Salem, na Índia, Prema se viu totalmente sem esperanças no fatídico 3 de janeiro. ‘Eu não tinha nada para dar. Isso me fez sofrer, partiu meu coração. Pensei qual seria o sentido de viver, se não posso alimentar meus próprios filhos?’.

Sem ter nada de valor para vender, nem mesmo utensílios de cozinha, a mulher teve a ideia de vender seu cabelo. ‘Lembrei de uma loja que comprava cabelos. Fui até lá e vendi todo meu cabelo por 150 rúpias (US$ 2, ou R$ 8)’.

Lembrando que o cabelo indiano é famoso em todo mundo e vendido por muito dinheiro. Aqui no Brasil, por exemplo, 100 gramas dificilmente custam menos de R$ 300, será que quem compra pensa no que a dona desse cabelo passou?

‘Consegui três pacotes de arroz cozido, cada um custando 20 rúpias (R$ 1,17), para os meus três filhos’, disse. Sabendo que não teria como se virar para a próxima refeição, Prema tentou se matar.

O marido dela havia feito um alto investimento para fabricar tijolos, no entanto os negócios não deram certo e ele cometeu suicídio no ano passado. Prema tentou comprar um pesticida, mas o vendedor viu a angústia da mulher e não vendeu.

Entretanto ela estava fazendo uma mistura com ervas venenosas em casa quando sua irmã apareceu e a impediu de cometer o ato.

Constantemente doente, Prema não conseguia trabalhar e era cobrada com frequência pelos empréstimos feitos pelo marido.

Um desconhecido chamado Bala ficou sabendo da história da mulher e se solidarizou: ‘Em um dia, arrecadei 120.000 rúpias (US$ 1.670, ou R$ 7 mil). Quando contei a Prema, ela ficou muito feliz e disse que era o suficiente para pagar a maior parte de seu empréstimo’.

Entretanto a mulher pediu que a arrecadação parasse, pois ela queria trabalhar e pagar o restante sozinha. Essa é apenas uma das milhares de histórias similares que ocorrem pelo mundo.

Informações da BBC

 
00
00
Mobil uygulamamızı indirdiniz mi? Hemen indir