Doritos Rainbown é o salgadinho oficial do Rock in Rio, renda irá para ONGs LGBT+

Doritos Rainbown é o salgadinho oficial do Rock in Rio, renda irá para ONGs LGBT+

Doritos Rainbown é o salgadinho oficial do Rock in Rio, renda irá para ONGs LGBT+

A Doritos lançou o Doritos Rainbown, salgadinho oficial do Rock in Rio, a embalagem e o produto são uma reedição de uma edição especial em apoia à causa LGBT+. A embalagem e o produto são coloridos com as cores tradicionais do movimento que simboliza a luta pela liberdade sexual.

O Doritos Rainbown já pode ser comprado em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, ele estará à venda até Setembro, quando ocorre o Rock in Rio.

Além de dar visibilidade para o movimento, a Doritos irá doar toda a renda adquirida com o produto para ONGs ligadas à causa LGBT, são elas: Casa 1, União do Povo de Santa Edwiges, INESC, Wakanda Warriors e Todxs.

“Nada é mais corajoso do que ser você mesmo”

Doritos Rainbown é o salgadinho oficial do Rock in Rio, renda irá para ONGs LGBT+

Anna Carolina Teixeira, diretora de Marketing da PepsiCo Brasil afirmou:

“Com o propósito de apoiar a diversidade e reforçar a importância das pessoas terem orgulho de serem elas mesmas, estamos felizes em levar Doritos Rainbow para o Rock in Rio e ampliar a plataforma com novas maneiras de engajamento, para dar voz e apoiar a comunidade LGBTQI+ no Brasil”

A campanha é feita em parceria com a Quebrada Queer, grupo de rap formado por membros do movimento. O preço aproximado do salgadinho é R$ 5.

Seja o primeiro a curtir!

Comentários

avatar

As pessoas também curtiram

Histórias relacionadas
1.
Padre canta “Boate Azul” durante missa e vídeo viraliza na internet
2.
“Não posso admitir que, com dinheiro público, façam filmes como Bruna Surfistinha”
3.
Menino acha fóssil gigante com 8 milhões de anos no Acre, confira as fotos 
4.
Homem compra sabão em pó e recebe sabão de pó, 82 kg de cocaína foram retidos
5.
Possível nomeação de Eduardo Bolsonaro como embaixador nos EUA vira piada
6.
Copa do mundo sub20 novamente sem presença Brasileira
7.
Bolsonaro pede que população cobre retomada do projeto sobre as armas no país
8.
Aécio Neves tem seu pedido de defesa negado no STF
9.
Companhia aérea obriga médica a se cobrir por usar roupa “inapropriada”
10.
Entregador sofre AVC e é ignorado pela Rappi, Samu e Uber em caso absurdo
500x500
500x500