Falece mulher que inalou fumaça de pneus durante protestos de sexta

Faleceu a mulher de 52 anos que estava internada em estado grave no CTI (Centro de Tratamento e Terapia Intensiva) do Hospital Risoleta Neves, em Belo Horizonte. A morte ocorreu na tarde de ontem (17).

Ela estava dentro de um ônibus indo para o trabalho quando inalou fumaça vinda da queima de pneus na Avenida Antônio Carlos, durante os protestos de sexta (14).

A Polícia Militar estava patrulhando pelo local quando se depararam com uma pessoa aparentemente passando mal sendo socorrida por populares. As testemunhas afirmaram para a polícia que ela inalou fumaça vinda dos pneus em chamas.

O quadro da mulher piorou, ela chegou a espumar pela boca e ficar inconsciente. Chegando ao Hospital Risoleta Neves ela sofreu uma parada cardiorrespiratória, ela deu entrada no fim da manhã e segundo o hospital, o estado dela era gravíssimo. A mulher estava indo trabalhar e deixa oito filhos.

0